[1]
J. A. Spinelli Lindoso, “Memória de afetos ”, Revistaeduquestão, vol. 58, nº 55, ago. 2020.