Chamada para dossiê temático Territórios Quilombolas no atual cenário político: alternativas de enfrentamento aos racismos e aos retrocessos em políticas públicas

02-04-2022

A proposta deste dossiê é provocar e incentivar reflexões no campo antropológico sobre o atual cenário político vivenciado pelas comunidades quilombolas e evidenciar alternativas de enfrentamento aos retrocessos em matéria de políticas públicas. As proposições devem considerar o compartilhamento de formas plurais de resistências coletivas que se recriam a partir das conjunturas políticas, da dimensão dos conflitos e das dinâmicas territoriais, possibilitando, assim, o fortalecimento das lutas das comunidades quilombolas pela efetivação dos seus direitos constitucionais. 

Contemporaneamente, as comunidades quilombolas têm enfrentado as mais diversas formas de violência e de racismo, seja institucional, ambiental e/ou estrutural, na luta pelo direito a permanecer em seus territórios e pela reprodução física, social, econômica, religiosa e sociocultural de seus modos de vida. Diante da Pandemia da covid-19, as situações de pressão, intimidação, criminalização e assassinatos em territórios quilombolas se acentuaram, assim como aumentam também as manobras por parte de setores públicos e privados pela flexibilização de seus direitos constitucionais. Enquanto as comunidades pensam em alternativas de sobrevivência, estão em curso medidas de retrocesso das políticas públicas específicas para as comunidades em questão, ao mesmo tempo em que setores privatistas e do Estado reforçam instrumentos que autorizam a destruição dos recursos ambientais e se debruçam na tentativa de deslegitimar o processo de autorreconhecimento.

Para este dossiê, serão bem-vindas contribuições antropológicas ou interdisciplinares que foquem em alternativas de enfrentamento face às formas de racismo e aos retrocessos das políticas públicas destinadas às comunidades quilombolas, considerando o cenário político atual.

As submissões devem ser feitas na seção "Dossiê" até 30 de junho de 2022, na plataforma da Revista Equatorial (https://periodicos.ufrn.br/equatorial/index). As informações sobre as normas para submissão podem ser encontradas em: https://periodicos.ufrn.br/equatorial/about/submissions.

Importante lembrar que aceitamos contribuições de ARTIGOS, RESENHAS, ENSAIOS VISUAIS E TRADUÇÕES para o Dossiê e em Fluxo Contínuo.

Organizadores: Ivanildo Antonio de Lima (PPGAS/UFRN), Francisco Cândido Firminiano Junior (PPGAS/UFRN) e Gardenia Mota Ayeres (Comunidade Quilombola Santo Antônio/Penalva (MA) - PPGA/UFBA).