[1]
K. J. L. Peixoto, “Popularidade entre os jovens brasileiros do ‘jogo do Suicídio’: Baleia Azul e sua aceitação”, Rev. E&S, vol. 8, nº 2, p. 71-78, jan. 2018.