Cicatrização das feridas cirúrgicas

Authors

  • Aldo Cunha Medeiros Federal University of Rio Grande do Norte
  • Antônio Medeiros Dantas-Filho

DOI:

https://doi.org/10.20398/jscr.v7i2.11438

Keywords:

Cicatrização de feridas, Fisiologia celular, Biologia molecular.

Abstract

Objetivo: A cicatrização de feridas evoluiu de uma ciência de observação clínica para um estudo de biologia molecular e fisiologia celular. O objetivo deste artigo é revisar a literatura médica para fornecer uma base para a compreensão da ciência atual da cicatrização de feridas. Métodos: Foi feita a revisão da literatura médica usando banco de dados Pubmed sobre a cicatrização. As fases de cicatrização das feridas são: fase inflamatória, a fase proliferativa e a fase de maturação. A reparação é determinada pelas características da ferida na apresentação inicial, e é vital selecionar o método apropriado para tratar a ferida com base na sua capacidade de evitar hipóxia, infecção, edema excessivo e corpos estranhos. Conclusão: Trata-se de uma cadeia altamente complexa de eventos, e o arsenal usado pelos cirurgiões continua a se expandir com métodos cada vez mais eficazes.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biography

Aldo Cunha Medeiros, Federal University of Rio Grande do Norte

Department of Surgery

Nucleous of Exprimental Surgery, Chair

Published

02-03-2017

How to Cite

MEDEIROS, A. C.; DANTAS-FILHO, A. M. Cicatrização das feridas cirúrgicas. JOURNAL OF SURGICAL AND CLINICAL RESEARCH, [S. l.], v. 7, n. 2, p. 87–102, 2017. DOI: 10.20398/jscr.v7i2.11438. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/jscr/article/view/11438. Acesso em: 7 dec. 2022.

Issue

Section

REVIEW