Turismo, mercado imobiliário e conflito sócioespaciais no Nordeste brasileiro

  • MARIA Aparecida Pontes da Fonseca UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE
  • Michael Janoschka Universidad Autônoma de Madrid
Palavras-chave: Geografia Humana, Geografia do turismo, geografia Econômica

Resumo

O trabalho aborda a relação entre turismo e mercado imobiliário, destacando os conflitos sócioespaciais decorrentes da valorização dos imóveis a partir da internacionalização da atividade turística no litoral do Estado do Rio Grande do Norte, localizado no Nordeste brasileiro. A ideia subjacente ao trabalho é que os processos globais intensificam os conflitos locais. A principal fonte de pesquisa foram os cartórios de imóveis dos municípios enfocados no presente estudo, através dos quais tivemos acesso a informações sobre a aquisição de terras por estrangeiros. A dinamização do mercado de imóveis acarretou alguns conflitos territoriais nas três principais destinações turísticas do Rio Grande do Norte (Natal, Tibau do Sul e São Miguel do Gostoso) decorrentes das distintas formas de uso e ocupação do solo e dos diferentes significados que este uso possibilita (valor de uso e valor de troca).

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
01-08-2018
Como Citar
PONTES DA FONSECA, M. A.; JANOSCHKA, M. Turismo, mercado imobiliário e conflito sócioespaciais no Nordeste brasileiro. Sociedade e Território, v. 30, n. 1, p. 51-67, 1 ago. 2018.