(IN)SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL DE ADULTOS ATENDIDOS PELO PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA NO MUNICÍPIO DE PINHALZINHO (SC)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21680/2177-8396.2023v35n2ID31102

Resumo

O Programa Bolsa Família (PBF) foi criado com intuito de melhorar a condição de vida de pessoas com baixa renda, funcionando como um complemento à renda familiar. O presente estudo objetivou avaliar o impacto do PBF na promoção ou garantia da Segurança Alimentar e Nutricional (SAN) de beneficiários no município de Pinhalzinho (SC). Participaram do estudo 32 titulares beneficiários. Foram aplicados questionários para identificar o perfil socioeconômico, frequência alimentar e Escala Brasileira de Insegurança Alimentar (EBIA). Apenas 12,5% dos participantes da pesquisa encontram-se em segurança alimentar. Percebeu-se a prevalência de obesidade grau I em 34,4% dos participantes e sobrepeso em 28,1%. Os resultados enaltecem a importância da adoção de políticas intersetoriais, em paralelo ao Programa Bolsa Família, para o fortalecimento de práticas alimentares saudáveis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

22-12-2023

Como Citar

BAMBERG, G. L. .; DA SILVA, T. .; LUTINSKI, J. A. (IN)SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL DE ADULTOS ATENDIDOS PELO PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA NO MUNICÍPIO DE PINHALZINHO (SC). Sociedade e Território, [S. l.], v. 35, n. 2, 2023. DOI: 10.21680/2177-8396.2023v35n2ID31102. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/sociedadeeterritorio/article/view/31102. Acesso em: 16 jul. 2024.

Edição

Seção

ARTIGOS