CIRCO

formação e conhecimentos gerais sobre segurança

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21680/2595-4024.2023v6n2ID31169

Resumo

O presente estudo apresenta um diagnóstico sobre formação e os saberes relativos à segurança entre profissionais e praticantes de circo. Participaram desta pesquisa descritiva-exploratória, 147 profissionais, que responderam a um questionário semiestruturado. Os resultados mostram que a maioria dos respondentes reconhecem o risco como característica inerente ao circo e a segurança como um aspecto central para a sua prática, embora poucos relataram formação específica. O estudo sugere, portanto, a urgência de ações formativas que favoreçam a qualificação profissional no âmbito da segurança no circo no contexto nacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marco Antonio Coelho Bortoleto, UNICAMP

Doutorado - Universidade de Lleida / Instituto Nacional de Educação Física da Catalunha (INEFC) na Espanha  e Livre Docente (Professor Associado) FEF-UNICAMP. Estágio de Pós-doutorado na Faculdade de Motricidade Humana (FMH) da Universidade de Lisboa (Portugal) e na Universidade de Manitoba (Canadá). Professor MS5.2 (Associado - Livre Docente) do Departamento de Educação Física e Humanidades (DEFH) da Faculdade de Educação Física da UNICAMP. Membro do Conselho da Plataforma de Pesquisa em Circo (CARP) e Pesquisador Associado do CRITAC (Escola Nacional de Circo de Montreal - Canadá). 

João Gabriel Baptistotti Nunes, UNICAMP

Graduado pela FEF-UNICAMP. Artista e montador de circo.

Downloads

Publicado

20-12-2023

Como Citar

COELHO BORTOLETO, M. A.; BAPTISTOTTI NUNES, J. G. CIRCO: formação e conhecimentos gerais sobre segurança. Manzuá: Revista de Pesquisa em Artes Cênicas, [S. l.], v. 6, n. 2, p. 27–50, 2023. DOI: 10.21680/2595-4024.2023v6n2ID31169. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/manzua/article/view/31169. Acesso em: 23 jul. 2024.