DINÂMICA DOS REGIMES DE PRECIPITAÇÃO E VAZÃO DA BACIA HIDROGRÁFICA DO ALTO PIRANHAS-AÇU - PB

  • Darlan Martínes Schmidt Universidade Federal do Rio Grande do Norte
  • Arthur Mattos Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Palavras-chave: Semiárido, Normal Climatológica e Regime Hidrometeorológico

Resumo

O Nordeste Brasileiro está inserido no clima Semiárido, com um regime hídrico bastante complexo, curto período de chuvas e este bastante irregular, altas temperaturas, altas taxas de evapotranspiração e ainda solos rasos e cristalinos, impedindo a infiltração de água para o lençol freático. Devido a estas características, se faz necessário à construção de barragens para captação e armazenamento de água para suprir as demandas nos períodos secos. O presente estudo aborda a parte alta da Bacia Hidrográfica do Rio Piranhas-Açu, composta pelas sub-bacias do rio do Peixe, rio Alto Piranhas e Piancó, ambas convergindo no mesmo ponto exutório, Sítio Vassouras no município de Pombal, no Estado da Paraíba. No estudo foram analisadas as séries históricas de dados de precipitação e vazão para o período de dados existentes e confiáveis no período entre 1969 e 2007.  Como período em foco, foi verificado o período entre 2001 a 2007, em relação a normal climatológica adjacente, de 1969 a 2000.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Darlan Martínes Schmidt, Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Doutorando do Programa de Pós Graduação em Ciências Climáticas. Graduação e Mestrado em Meteorologia.Técnico em Hidrologia

 

Arthur Mattos, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Professor do Departamento Recursos Hídricos e Saneamento - UFRN

Professor do Programa de pós graduação em Ciências Climáticas - UFRN

Publicado
23-07-2013
Como Citar
SCHMIDT, D. M.; MATTOS, A. DINÂMICA DOS REGIMES DE PRECIPITAÇÃO E VAZÃO DA BACIA HIDROGRÁFICA DO ALTO PIRANHAS-AÇU - PB. Sociedade e Território, v. 25, n. 2, p. 67-77, 23 jul. 2013.