CIRCUITO ESPACIAL DE PRODUÇÃO E LUGAR

  • Aldo DANTAS Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Palavras-chave: Circuito espacial de produção, Lugar, mobilidade.

Resumo

O presente ensaio tem por objetivo frisar a necessidade de se levar em consideração a categoria lugar ao se fazer a análise de um fenômeno econômico tomando-se por base o conceito de circuito espacial de produção. Tomando com pressuposto a ideia de que somente podemos falar em circuito espacial a partir da mobilidade e suas duas faces: a circulação e a comunicação, o texto passa a analisar os fluxos matérias e imateriais levando em consideração a base material que dá sustentação a tais fluxos. Essa base material permite se falar em configuração territorial e singularidade dos lugares, o que nos remete ao que Milton Santas chama de lei do lugar.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Aldo DANTAS, Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Formado em Geografia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (1986), mestrado e Doutorado em Geografia Humana desenvolvidos na Universidade de São Paulo com estágio Doutoral realizado junto à École Normale Supérieure de Paris. Atualmente é professor Associado I da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Desenvolve pesquisas nas áreas de Geografia e complexidade, geografia da saúde e Dinâmicas Territoriais, tendo como suporte de análise a Teoria da Geografia Nova desenvolvida por Milton Santos.
Publicado
02-08-2016
Como Citar
DANTAS, A. CIRCUITO ESPACIAL DE PRODUÇÃO E LUGAR. Sociedade e Território, v. 28, n. 1, p. 193 - 199, 2 ago. 2016.
Seção
ENSAIOS, NOTAS E RESENHAS