Diversidade e Formação humana integral:

o que jovens alunos pensam sobre discutir gênero na escola

  • Ana Santana Souza Universidade Potiguar
  • Vânia Aparecida Costa

Resumo

Gênero e sexualidade são dimensões do humano, portanto, uma educação na perspectiva da formação humana integral há de considerar a necessidade de incluir a discussão de gênero na escola. Entretanto, a inclusão do tema no currículo, mesmo no ensino médio, ainda é polêmica, embora não haja impedimento nas diretrizes para esse nível de ensino. O debate tem envolvido diversos segmentos sociais, mas, não é comum que os jovens estudantes sejam ouvidos sobre a questão. Na contramão da invisibilidade das juventudes no âmbito escolar, este artigo discute os resultados de uma pesquisa com jovens alunos do ensino médio de uma escola pública sobre como eles acessam o tema e o que eles pensam a respeito da escola discuti-los.  Os dados indicam que os estudantes, em sua maioria, acessam o tema por meio da conversa entre amigos e defendem a discussão de gênero na escola. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Santana Souza, Universidade Potiguar
Doutora e mestre em Literatura (UFRN), professora da Universidade Potiguar (UNP) e Instituto de Educação Superior Presidente Kennedy (IFESP)
Publicado
19-06-2020
Como Citar
SOUZA, A. S.; COSTA, V. A. Diversidade e Formação humana integral: . Bagoas - Estudos gays: gêneros e sexualidades, v. 13, n. 20, 19 jun. 2020.