O falsete do contratenor Jakub Józef Orlinski, Sexo, Escutas de Gênero e os Usos dos Corpos Midiáticos

Resumo


O artigo investiga a performance do ascendente cantor falsetista Jakub Józef Orlinski para elaborar maneiras de trabalhar conflitos de gênero a partir das problemáticas de voz. Assim, volta-se para aparições e enquadramentos midiáticos do cantor, discutindo como embates hegemônicos sobre voz constituem sua presença. Neste processo, são agenciados debates sobre classificação vocal, tecnologias de corpo e mídia e sobre escuta, apontando como constituem problemas de gênero. Finalmente, reflete-se sobre como a voz é uma tecnologia pela qual nos atualizamos enquanto sujeitos e demonstra-se que ela pode abrir feixes pelos quais gênero se expõe como um processo contínuo de práticas discursivas e corporais. Este processo abre, no caso de Orlinski, espaços que enfatizam a fabulação sobre sua sexualidade.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daniel Magalhães de Andrade Lima, Universidade Federal de Pernambuco

Bacharel, Mestre e Doutorando em Comunicação pela Universidade Federal de Pernambuco. Especialização em Sistema Laban/Bartenieff de Análise do Movimento na Faculdade Angel Vianna (RJ).

Publicado
12-11-2020
Como Citar
MAGALHÃES DE ANDRADE LIMA, D. O falsete do contratenor Jakub Józef Orlinski, Sexo, Escutas de Gênero e os Usos dos Corpos Midiáticos. Bagoas - Estudos gays: gêneros e sexualidades, v. 13, n. 21, 12 nov. 2020.