ADÉLIA SAMPAIO E O “JÚRI DO AMOR MALDITO”

Autores

  • Camila Barbosa UFRPE

Resumo

O presente artigo pretende analisar o modo como “Amor Maldito” de Adélia Sampaio, considerada a primeira diretora negra brasileira, figurou na imprensa da época. Assim, pretende-se demonstrar de que forma a crítica jornalística percebeu o filme “Amor Maldito” e como essa percepção se relaciona com as reflexões trazida pelo filme. Fez parte de nosso objetivo, além disso, perceber as relações da trajetória da diretora e o seu papel inovador no cinema nacional, assim como, as discussões sociais provocadas pela sua obra.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

08-07-2024

Como Citar

BARBOSA, C. ADÉLIA SAMPAIO E O “JÚRI DO AMOR MALDITO”. Bagoas - Estudos gays: gêneros e sexualidades, [S. l.], v. 15, n. 23, 2024. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/bagoas/article/view/25240. Acesso em: 22 jul. 2024.