CENARIO ENERGÉTICO DO PETRÓLEO E GÁS NATURAL NO BRASIL E NO MUNDO

  • Rhodiney Vaz Martins Universidade Federal do ABC
  • Erika Cristina Da Silva Universidade Federal do ABC
  • Alex Paubel Junger
  • Sinclair Mallet Guy Guerra Universidade Cruzeiro do Sul
  • José Ferreira de Souza Universidade Cruzeiro do Sul
Palavras-chave: Petróleo, pré-sal, gás natural

Resumo

O Brasil é o detentor do Pré-Sal, umas das maiores descobertas das últimas décadas. Sendo uma importante fonte estratégica e geopolítica atualmente para o país. A produção do Pré-Sal já representa 50% da produção nacional de combustíveis fósseis, com tendência de alta nos próximos anos. Este artigo teve como objetivo avaliar a potencialidade e expectativa em relação as reservas brasileiras. Esse estudo mostrou que o Pré-Sal tem grande potencial no presente e no futuro, com aumento significativo nos investimentos e consequentemente em sua produção.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

abespetro. Associação Brasileira das Empresas de Serviços de Petróleo. Disponível:https://abespetro.org.br/. Acesso 15 jun 2018.

ANP, Anuário Estatístico de 2017

ANP, Boletim Anual De Preços. Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis. [S.l.]. 2017.

ARAÚJO, R. A inserção do shale gás no mercado global de hidrocarbonetos – Análise panorâmica focada no caso norte-americano e perspectivas para o Brasil. 7ª edição do Congresso Brasileiro de P&D em petróleo e gás. 2013.

BEN, 2014. Balanço Energético Nacional 2017: Ano-Base 2013. Brasília, MME/EPE. Disponível em:. Acesso em: 20 junho 2018.

BP. BP Statistical Review Of World Energy June 2012. Londres, 2012.

BP. Disponível em: . Acessado em 10 De junho de 2018.

BP, BP Energy Outlook 2035 – BP plc (2014)

BP, BP Statistical Review of World Energy June 2018 – BP plc (2014)

EPE, Estudo da Demanda de Energia 2050. Nota técnica DEA 13/14.Disponível em:
http://www.epe.gov.br/Estudos/Documents/DEA%201314%20Demanda%20de%20Energia%202050.pdf. Acesso 10 juho 2018.

EPE, Empresa de Pesquisa Energética. Contexto Mundial e Preço do Petróleo: uma visão de longo prazo. Rio de Janeiro, 2008.

______. Balanço Energético Nacional 2017: Ano-Base 2011. Brasília, MME/EPE, 2012a.

______. Plano Decenal de Expansão de Energia 2021 (PDE 2021). Brasília, MME/EPE, 2012.

______. Plano Decenal de Expansão de Energia 2023 (PDE 2023). Brasília, MME/EPE, 2014

FGV 2017, FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS. Cadernos FGV Energia 2014. Disponível em: http://fgvenergia.fgv.br/publicacao/caderno-de-gas-natural-fgv-energia. Acesso em: 20 jun 2018

FIORI, J. L.; Medeiros, C.; Serrano, F. O Mito do Colapso do Poder Americano. Rio de Janeiro: Record, 2008.

FIRJAN, Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro. Estudos para o Desenvolvimento do Estado do Rio de Janeiro: Quanto custa o gás natural para a indústria no Brasil? Rio de Janeiro: Firjan, dez. 2011.

MME, Boletim Mensal de Acompanhamento da Indústria de Gás Natural – Ministério de Minas e Energia – 2018.

ZALAN P. V. O Potencial Petrolífero Brasileiro Além do Pré-Sal. Portal Geofísica Brasil, set. 2012. Disponível em: . Acesso em: 10 junho 2018.
Publicado
01-04-2017
Como Citar
MARTINS, R. V.; DA SILVA, E. C.; JUNGER, A. P.; GUY GUERRA, S. M.; DE SOUZA, J. F. CENARIO ENERGÉTICO DO PETRÓLEO E GÁS NATURAL NO BRASIL E NO MUNDO. Revista de Casos e Consultoria, v. 8, n. 2, p. e823, 1 abr. 2017.
Seção
Artigos