A “SANTA DA LADEIRA DAS PEDRAS”: A DEVOÇÃO A ISABEL MARIA DA CONCEIÇÃO NO CEARÁ

Autores

  • Michelle Ferreira Maia UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS

Resumo

Neste artigo analisamos o processo de formação da devoção a Isabel Maria da Conceição em Guaraciaba do Norte, Ceará. Apresentamos as características que fundaram a crença em sua santidade popular. A devoção foi iniciada a partir de sua morte, quando foi assassinada em 11 de outubro de 1929 pelo marido Antônio Raimundo Nonato da Silva na serra de Reriutaba. Isabel Maria da Conceição é conhecida como a santa das "mulheres espancadas e traídas" o que nos permite discutir sobre o processo de apropriação da sua morte a uma causa: a da luta contra a violência contra as mulheres. Abordamos como o espaço da morte foi resignificado enquanto lugar de memória e de manifestações religiosas e populares da devoção. A beira do precipício, Isabel Maria da Conceição foi morta na frente do seu único filho acusada injustamente de traição. O seu corpo foi jogado serra abaixo. Desta forma, abordamos as discussões acerca dos conceitos de santidade e memória. Para a pesquisa, analisamos entrevistas com devotos, jornais que tratam sobre a morte e devoçãoda Milagreira, fotografias e principalmente os ex-votos encontrados na Capela.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Michelle Ferreira Maia, UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS

GRADUADA EM HISTÓRIA PELA UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ, SOBRAL, CEARÁ MESTRE EM HISTÓRIA SOCIAL PELA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ, FORTALEZA, CEARÁ.DOUTORANDA EM HISTÓRIA PELA UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS, MATO GROSSO DO SUL. BOLSISTA CAPES.

Downloads

Publicado

16-11-2023

Como Citar

FERREIRA MAIA, M. A “SANTA DA LADEIRA DAS PEDRAS”: A DEVOÇÃO A ISABEL MARIA DA CONCEIÇÃO NO CEARÁ. Mneme - Revista de Humanidades, [S. l.], v. 21, n. 44, 2023. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/mneme/article/view/21497. Acesso em: 29 maio. 2024.