Feitiçaria de ganho no Mato Grosso setecentista

Autores

  • Mario Teixeira Sá Junior

Palavras-chave:

Religiões afro-brasileiras

Resumo

O artigo tem por finalidade demonstrar como o processo da feitiçaria e das práticas mágicas vem sendo alvo de contatos, apropriações e ressignificações culturais, estabelecendo uma das identidades brasileiras na crença do feitiço. Essa crença é resultado do encontro de diversas matrizes – européias, africanas e americanas – ao longo dos quinhentos anos de contatos entre esses grupos culturais. Contudo, se por um lado, a crença no feitiço é um elemento que faz parte do imaginário da sociedade brasileira, por outro ela é creditada, de forma pejorativa, a grupos marginalizados pela sociedade, como negros e pobres de uma forma geral. Finalizando, é importante destacar o papel da feitiçaria como instrumento de sujeiçáo dos marginalizados historicamente em nossa História.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

08-07-2011

Como Citar

SÁ JUNIOR, M. T. Feitiçaria de ganho no Mato Grosso setecentista. Mneme - Revista de Humanidades, [S. l.], v. 12, n. 29, 2011. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/mneme/article/view/973. Acesso em: 30 maio. 2024.