GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA: UMA ANÁLISE DO PERFIL DAS ADOLESCENTES ASSISTIDAS EM HOSPITAL ESCOLA NA CIDADE DE MACEIÓ-AL

Resumo


Introdução: A adolescência é um período curto, porém é nela que ocorrem mudanças biológicas, físicas e psicológicas determinantes na busca da autoafirmação e que podem acarretar complicações no ciclo de vida. A gravidez vista nesta etapa é uma realidade no Brasil e, apesar de susceptível em qualquer classe social, os fatores econômico e social são determinantes nos índices estatísticos. Objetivo: Analisar o perfil das adolescentes que utilizam os serviços do ambulatório e enfermaria de obstetrícia do Hospital Veredas, identificar os fatores que levaram a uma maternidade precoce, as relações sociais, familiares e escolares das adolescentes, além das suas expectativas futuras na construção afetiva da relação mãe-filho e dos possíveis riscos gerados à saúde de ambos. Metodologia: Pesquisa analítica, individual, transversal e observacional, com dados coletados através de análise de prontuários para seleção da amostra e entrevistas com as gestantes do ambulatório e enfermaria de obstetrícia do Hospital Veredas, Maceió-AL, entre Janeiro de 2020 e Novembro de 2020.  Resultados e Discussão: Das adolescentes analisadas, 52,3% eram menores de idade, dado significativo que demonstra a natureza social destas gestações. Quando questionadas sobre sua percepção quanto a gestação, 57,5% declararam que se tratava de uma gravidez indesejada, informação que associada a narrativa dessas mulheres, demonstra que a gravidez associada a ausência de uma rede de apoio, agrava sua rejeição, refletindo em um isolamento e dificuldade de aceitação. Pode-se constatar através de análise inferencial que uma tendência das adolescentes etilistas evoluírem com gestações pré-termo (tempo de gestação < 37 semanas) e recém-nascidos prematuros. Conclusões: Através da análise dos dados e da bibliografia analisada, nota-se que a gravidez na adolescência é uma realidade no município de Maceió, e permanece um importante problema de saúde pública gerando impactos negativos nos aspectos sociais, econômicos e nos indicadores de saúde dessas jovens.

 

Palavras-Chave: Família; Gravidez na adolescência; Sexualidade.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
27-08-2021
Como Citar
VASCONCELOS DE CARVALHO, R.; CARVALHO MIRANDA, I.; DA ROCHA MORAES, A. C.; GOMES ALVIM, R. GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA: UMA ANÁLISE DO PERFIL DAS ADOLESCENTES ASSISTIDAS EM HOSPITAL ESCOLA NA CIDADE DE MACEIÓ-AL. Revista Ciência Plural, v. 7, n. 3, p. 100-120, 27 ago. 2021.