A EXTENSÃO POPULAR E A POSSIBILIDADE DE RECONSTRUÇÃO DO DIREITO: UM ESTUDO DOS POSTULADOS NA PERSPECTIVA DE INTERPRETAÇÃO E APLICAÇÃO DO DIREITO PENAL

  • Mariana Mendes Pereira
  • Arthur Samuel Pinheiro Caldas

Resumo

O processo de concretização das normas à realidade social com a qual
está envolvida traz a tona muita das experiências subjetivas dos
operadores do direito. De modo que, quando as instancias oficiais
atuam à luz de seus estigmas e preconceitos, tendem a constituir a
classe criminosa, selecionando e rotulando as classes menos
favorecidas economicamente, fazendo juízos de valores diferenciados
e dando respostas penais distintas, o que acarreta a extrema
seletividade do sistema.Dessa maneira, o presente artigo busca fazer
um estudo acerca dos postulados, no plano metodológico e
sociológico, na perspectiva da interpretação e aplicação do Direito
Penal. E dessa maneira, demonstrar que a extensão universitária
pautada na educação popular é o mecanismo fundamental para a
construção de uma cultura jurídica plural, democrática e popular e de
operadores conscientes de suas trajetórias sociais.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
28-01-2015
Como Citar
PEREIRA, M. M.; CALDAS, A. S. P. A EXTENSÃO POPULAR E A POSSIBILIDADE DE RECONSTRUÇÃO DO DIREITO: UM ESTUDO DOS POSTULADOS NA PERSPECTIVA DE INTERPRETAÇÃO E APLICAÇÃO DO DIREITO PENAL. Revista Transgressões, v. 1, n. 1, p. 211-230, 28 jan. 2015.
Seção
Artigos