MIGRAÇÕES ESTUDANTIS

DESAFIOS E LIMITES DE INTEGRAÇÃO À SOCIEDADE DE DESTINO

Autores

  • Rogéria Campos de Almeida Dutra
  • Leonardo Francisco de Azevedo
  • Aline Cristina Laier

DOI:

https://doi.org/10.21680/2238-6009.2018v1n51ID17176

Resumo

Baseando-se em investigações realizadas com intercambistas - estudantes brasileiros no exterior e estudantes africanos no Brasil - o presente artigo pretende refletir sobre o tema da migração estudantil, e em particular analisar as dificuldades encontradas pelos estudantes na sociedade de destino. Esses intercambistas demonstraram que, apesar do projeto de integração entre povos e culturas associado ao processo de internacionalização do ensino superior, encontraram limites em sua inserção, levando-os a criar estratégias específicas de socialização e integração em terras estrangeiras.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

22-03-2019

Como Citar

DUTRA, R. C. de A.; AZEVEDO, L. F. de; LAIER, A. C. MIGRAÇÕES ESTUDANTIS: DESAFIOS E LIMITES DE INTEGRAÇÃO À SOCIEDADE DE DESTINO. Vivência: Revista de Antropologia, [S. l.], v. 1, n. 51, 2019. DOI: 10.21680/2238-6009.2018v1n51ID17176. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/vivencia/article/view/17176. Acesso em: 13 ago. 2022.

Edição

Seção

Dossiê/Dossier