A invenção da homossexualidade

  • Paulo Roberto Ceccarelli

Resumo

Com  o  título  deliberadamente  polêmico,  o  artigo  mostra  que  a  questão  da homossexualidade continua sendo um problema entre os psicanalistas. Não havendo uma posição que faça consenso, existiria uma “invenção” da homossexualidade em psicanálise. Em Freud, a questão fica em aberto. As posições de alguns pós-freudianos mostra  o  impasse,  dentro  da  teoria  psicanalítica,  causado  pela  dificuldade  de estabelecer o que determina a chamada “escolha de objeto” homo ou heterossexual. Segundo o autor, uma das origens da polêmica sobre a homossexualidade deve ser procurada nos Ideais da cultura ocidental – ideais constitutivos do superego – que, baseados  no  imaginário  judaico-cristão,  determinam  como  a  sexualidade  deve  ser vivida. O autor discute, também, as conseqüências dessas posições na construção de subjetividades

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
27-11-2012
Como Citar
CECCARELLI, P. R. A invenção da homossexualidade. Bagoas - Estudos gays: gêneros e sexualidades, v. 2, n. 02, 27 nov. 2012.