O lítigio sobre o impensável: escola, gestão dos corpos e homofobia institucional

Autores

  • Marcos Aurélio Máximo Prado
  • Daniel Arruda Martins
  • Leonardo Tolentino Lima Rocha

Resumo

Este texto apresenta uma reflexão  sobre a homofobia institucional,  sua dinâmica e funcionalidade para a manutenção das hierarquias sociais e sexuais. Ao mesmo tempo, busca evidenciar, no contexto de uma universidade pública brasileira, a importância da emergência dos grupos universitários LGBT como sujeitos políticos capazes de deslocar a lógica da classificação social. A partir de estudo de caso de dois acontecimentos contraditórios,  buscou-se  compreender  quais  paradoxos  envolvem  a  questão  da homofobia institucional nas escolas e quais as possibilidades de intervenção a partir da política pública.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

27-11-2012

Como Citar

PRADO, M. A. M.; MARTINS, D. A.; ROCHA, L. T. L. O lítigio sobre o impensável: escola, gestão dos corpos e homofobia institucional. Bagoas - Estudos gays: gêneros e sexualidades, [S. l.], v. 3, n. 04, 2012. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/bagoas/article/view/2304. Acesso em: 24 set. 2022.