A importância do acompanhamento psicológico em pacientes com vírus da imunodeficiência humana (HIV)

Autores

  • Maxwell Lopes Gomes Centro Universitário Maurício de Nassau

Palavras-chave:

HIV, AIDS, Psicoterapia, psicologia

Resumo

Frente ao aumento dos casos de HIV em todas as faixas etárias, tanto a nível mundial como nacional esse estudo tem como objetivo identificar na literatura o conhecimento produzido a importância do acompanhamento psicológico em pessoas diagnosticadas com HIV. Trata-se de uma revisão de literatura sistemática. As buscas na literatura ocorreram por meio de consultas nas bases de dados PEPSIC, SciELO, MEDLINE e LILACS. A amostra final foi constituída de doze artigos. A literatura revela que existem riscos de danos à saúde mental de todos os públicos com diagnóstico positivo à infecção pelo HIV, sendo cabível apoio psicológico tanto na comunicação deste como no suporte à adesão ao tratamento de maneira eficaz. Concluiu-se então que o apoio psicológico se faz de grande importância ao apoio de pessoas com diagnóstico positivo uma vez que desde o momento diagnóstico até a adesão ao tratamento estas passam por transformações psicológicas que demandam de intervenção profissional, no entanto, notou-se que a literatura que trata de maneira especifica sobre o acompanhamento psicológico em pessoas com HIV ainda é diminuta sendo cabível maiores estudos com relação a esta relação de maneira específica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BRANDÃO, Brígida Maria Gonçalves de Melo et al. Convivendo com o HIV: estratégias de enfrentamento de idosos soropositivos. Revista da Escola de Enfermagem da USP, v. 54, 2020.

DE ALMEIDA, Maria Fernanda Garcia; BORGES, Maira Morena; DE OLIVEIRA, Cassiana Morais. Percepções sobre adesão ao tratamento e variáveis psicológicas de gestantes soropositivas para o HIV/AIDS. Revista Família, Ciclos de Vida e Saúde no Contexto Social, v. 8, n. 3, p. 392-402, 2020.

DE CAVATÁ SOUZA, Tábata et al. O impacto do vírus HIV na qualidade de vida de idosos: revisão integrativa. Research, Society and Development, v. 9, n. 11, p. e90891110566-e90891110566, 2020.

DIAS, Wesley Brandão et al. O perfil psicossocial de pessoas vivendo com HIV/AIDS em uma unidade de acompanhamento em Belém-PA: Relato de Experiência. Revista Eletrônica Acervo Saúde, v. 12, n. 1, p. e1429-e1429, 2020.

DINIZ, Maria Margarida Gonçalves et al. A psicologia fenomenológica existencial no suporte à saúde mental de pessoas acometidas pelo HIV/AIDS. Lúmen, v. 39, p. 43-53, 2020.

DOMINGUES, Juliana Pereira; OLIVEIRA, Denize Cristina de; MARQUES, Sergio Correa. Representações sociais da qualidade de vida de pessoas que vivem com HIV/AIDS. Texto & Contexto-Enfermagem, v. 27, 2018.

FARIAS, Odaleia de Oliveira et al. Análise das necessidades de ajuda de homens com HIV que fazem sexo com homens. Revista da Escola de Enfermagem da USP, v. 54, 2020.

GIL, Antonio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 5. reimpr. São Paulo: Atlas, v. 201, 2010.

GOMES, Emilly Sales Sala; LIMA, Mônica. Clínica Psicológica Ampliada em IST/HIV-Aids: Sentidos Produzidos por Psicólogas no SUS. Psicologia: Ciência e Profissão, v. 42, 2022.

LENZI, Luana et al. Suporte social e HIV: relações entre características clínicas, sociodemográficas e adesão ao tratamento. Psicologia: Teoria e Pesquisa, v. 34, 2018.

LIMA, Cindy Ferreira et al. Mulheres vivendo com HIV, maternidade e saúde: revisão integrativa. Revista Periódicus, v. 2, n. 16, p. 57-80, 2021.

LOBO, Ângelo Souza; LEAL, Maria Alice Ferreira. Comunicação de más notícias: a revelação do diagnóstico de HIV/Aids e seus impactos psicológicos. CIAIQ2019, v. 2, p. 549-558, 2019.

LOCH, Ana Paula et al. Intervenção para a implementação do monitoramento clínico em serviços especializados de atenção às pessoas vivendo com HIV/aids. Cadernos de Saúde Pública, v. 36, 2020.

MIRANDA, Vanessa Pompeu Baia et al. Doenças notificáveis segundo a forma de transmissão em um hospital de referência na Amazônia oriental brasileira. Revista Eletrônica Acervo Saúde, v. 13, n. 11, p. e8931-e8931, 2021.

PINTO, Francinei Gomes et al. Comunicação em saúde como ferramenta médica: revelação de diagnóstico e o acompanhamento de adolescents com HIV. Brazilian Medical Students, v. 7, n. 10, 2022.

POLLY, Matheus et al. Avaliação da adesão aos protocolos de infecção latent por mycobacterium tuberculosis em pacientes diagnosticados com HIV. The Brazilian Journal of Infectious Diseases, v. 26, p. 102467, 2022.

SILVA, Leidiene Gabriely et al. Nivel de conhecimento acerca da infecção pelo virus da imunodeficiência humana (HIV): uma revisão integrative. The Brazilian Journal of Infectious Diseases, v. 26, p. 101857, 2022.

Downloads

Publicado

30-04-2023

Como Citar

LOPES GOMES, M. A importância do acompanhamento psicológico em pacientes com vírus da imunodeficiência humana (HIV). Revista de Casos e Consultoria, [S. l.], v. 14, n. 1, 2023. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/casoseconsultoria/article/view/31008. Acesso em: 13 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos de Revisão