AVALIAÇÃO DA DIADOCOCINESIA ORAL EM CRIANÇAS

  • Daniela Jovel Modolo
  • Rafaeli Higa Scarmagnani
  • Ana Paula Fukushiro
  • Katia Flores Genaro

Resumo


Introduçáo: A diadococinesia (DDC) é a habilidade para realizar repetições rápidas de contrações musculares opostas, o que permite avaliar a maturaçáo e a integraçáo neuromotora. O teste da DDC oral avalia a funçáo dos lábios e da língua a partir da repetiçáo de sílabas, sendo um importante recurso na compreensáo dos distúrbios da comunicaçáo, quando associado à avaliaçáo fonoaudiológica. Objetivo: Analisar a DDC oral de crianças na fase de dentadura mista. Métodos: Foram avaliadas 11 crianças com 9 anos de idade (4 meninos e 7 meninas), que realizaram o exame miofuncional orofacial (protocolo MBGR), além do teste de DDC oral a partir da repetiçáo, por 6 segundos, das emissões “pa”, “ta”, “ka” e “pataka”, sendo analisado 3 segundos. O número de emissões por segundo foi obtido pelo programa MSP (Kay Elemetrics Corp.) para as monossílabas e, para a sequência trissilábica, analisou-se quantitativamente de forma manual, com o apoio visual e auditivo. Resultados: No exame miofuncional, 4 crianças (36,4%%) tiveram dificuldade para lateralizar os lábios e 2 (18,2%) para movimentar a língua; 7 (63,6%) apresentaram alteraçáo no tônus labial e 2 (18,2%) no tônus lingual; 3 crianças (27,3%) apresentaram ceceio e 5 interposiçáo lingual (45,5%) na fala e 4 (36,4%) apresentaram projeçáo lingual na deglutiçáo de líquido. Quanto a DDC, as médias obtidas foram: “pa”=4,99±0,32, “ta”=4,98±0,24, “ka”=4,52±0,32 e “pataka”=1,66±0,13. A análise individual revelou valores dentro da normalidade para “pa”, enquanto 5 crianças revelaram alteraçáo, sendo 4 que realizaram menos emissões por segundo (3 para “ta” e 1 para “ka”) e 1 que realizou mais emissões da sequência “pataka”, além disso, 2 que apresentaram alteraçáo na sílaba “ta” também náo conseguiram emitir adequadamente a sequência “pataka”. Conclusáo: Verificou-se que mesmo diante de alteraçáo miofuncional a DDC nem sempre se encontra alterada.
Palavras-Chave: diadicocinesia, fala, avaliaçáo

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
13-03-2012
Como Citar
MODOLO, D. J.; SCARMAGNANI, R. H.; FUKUSHIRO, A. P.; GENARO, K. F. AVALIAÇÃO DA DIADOCOCINESIA ORAL EM CRIANÇAS. Revista Extensão & Sociedade, v. 2, n. 3, 13 mar. 2012.