AVALIAÇÃO DE INDICADORES DE QUALIDADE DE ÁREAS VERDES URBANAS: UMA FERRAMENTA AUXILIAR NA GESTÃO DE CIDADES.

  • Maria de Nazaré Eufrásio Alves UFCG
  • Ana Cláudia Melo Silva entro Universitário UNINTA
  • Marcos de Miranda Leão Leite Faculdade Luciano Feijão

Resumo


Áreas verdes urbanas contribuem para a qualidade de vida nas cidades uma vez que desempenham um
importante papel ambiental, paisagístico e psicossocial. O presente trabalho teve como objetivo realizar uma avaliação
qualitativa de três áreas verdes da cidade de Sobral-CE. A coleta de dados se deu por meio de um levantamento
orientado por uma planilha, onde foram avaliadas a disponibilidade e a qualidade dos equipamentos, considerando-se
seis parâmetros. Os resultados indicaram que o parâmetro Arborização foi o mais bem avaliado nas três áreas.
Parâmetros como Lazer e Conforto, no geral, não obtiveram um bom desempenho a partir critérios adotados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Cláudia Melo Silva, entro Universitário UNINTA
Afiliação institucional: Acadêmica de Direito pelo Centro Universitário UNINTA Titulação acadêmica: Administradora de empresas
Publicado
10-05-2021
Como Citar
DE NAZARÉ EUFRÁSIO ALVES, M.; MELO SILVA, A. C.; DE MIRANDA LEÃO LEITE, M. AVALIAÇÃO DE INDICADORES DE QUALIDADE DE ÁREAS VERDES URBANAS: UMA FERRAMENTA AUXILIAR NA GESTÃO DE CIDADES. Revista Extensão & Sociedade, v. 12, n. 1, 10 maio 2021.