Método Dialético, História e Transcendência, no Sistema Filosófico de Henrique de Lima Vaz

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21680/1983-2109.2022v29n60ID28509

Palavras-chave:

Lima Vaz, Método dialético, Antropologia Filosófica, Ética, Crise da Modernidade

Resumo

O artigo apresenta uma visão de conjunto do pensamento de Lima Vaz, a partir de seu método original, caracterizado por seu cunho rememorativo, dialético e sistemático. Ele é aplicado particularmente na Antropologia Filosófica e na Ética, sintetizando a categoria de história com a de transcendência, superando assim a crise do pensamento moderno à luz da práxis ética.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

GODOY SAMPAIO, Rubens. Metafísica e Modernidade: método e estrutura, temas e sistema em Henrique Cláudio de Lima Vaz. São Paulo: Loyola, 2006

LEOPOLDO E SILVA, Franklin. Notas para um estudo dos procedimentos metódicos em Lima Vaz: singularidade e transcendência na apreensão das ideias filosófica, Síntese Revista de Filosofia, v.30, n.97, 2003, p.149-158.

NOBRE, Marcos; REGO, José M. Conversa com Filósofos Brasileiros. São Paulo: Ed. 34, 2000.

VAZ, H. C. de L. Antropologia Filosófica 1. São Paulo: Loyola, 1991.

VAZ, H. C. de L. Antropologia Filosófica II. São Paulo: Loyola, 1992.

VAZ, H. C. de L. Escritos de Filosofia III: Filosofia e Cultura. São Paulo: Loyola, 1997.

VAZ, H. C. de L. Escritos de FilosofIa IV: Introdução à Ética Filosófica 1. São Paulo: Loyola, 1999.

VAZ, H. C. de L. Escritos de FilosofIa V: Introdução à Ética Filosófica 2. São Paulo: Loyola, 2000.

VAZ, H. C. de L. Escritos de Filosofia VII: Raízes da Modernidade. São Paulo: Loyola, 2002.

Downloads

Publicado

25-11-2022

Como Citar

MAC-DOWELL, J. A. A. Método Dialético, História e Transcendência, no Sistema Filosófico de Henrique de Lima Vaz . Princípios: Revista de Filosofia (UFRN), [S. l.], v. 29, n. 60, p. 358–380, 2022. DOI: 10.21680/1983-2109.2022v29n60ID28509. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/principios/article/view/28509. Acesso em: 12 jul. 2024.