Caracterização geomorfológica do maciço de Água Branca e seu entorno: uma primeira aproximação

Autores

  • João Pedro Avelino dos Santos Universidade Federal de Alagoas
  • Adelaine Firmino da Silva Universidade Federal de Alagoas
  • Clenisvaldo Ventura da Silva Universidade Federal de Alagoas
  • Wagner Valdir dos Santos Universidade Federal de Alagoas
  • Flávia Jorge de Lima Universidade Federal de Alagoas

DOI:

https://doi.org/10.21680/2447-3359.2019v5n0ID18528

Resumo

O presente trabalho apresenta uma análise e caracterização dos fatos geomorfológicos encontrados no maciço estrutural de Água Branca e seu entorno. Os procedimentos metodológicos foram organizados de acordo com o manual técnico de geomorfologia do IBGE (2009), utilização de técnicas de geoprocessamento, aquisição de dados extraídos da imagem SRTM, análise de documentos cartográficos e interpretação de imagens orbitais. Como resultados, caracterizou-se sete unidades geomorfológicas na área de estudo: Cimeira conservada; Encosta dissecada; Encosta conservada; Pedimentos dissecados; Inselbergues; Plainos aluviais; Colinas dissecadas. Por fim, conclui-se que o reconhecimento e mapeamento dessas unidades geomorfológicas constitui um passo importante na promoção de planos de gestão territorial que tenham como premissa o uso da paisagem a partir do entendimento das suas limitações e potencialidades de uso pela sociedade. Assim, espera-se que esse trabalho, de caráter exploratório, contribua com o planejamento das políticas públicas do município de Água Branca, bem como com o desenvolvimento de outros estudos que tenham como foco compreender a evolução da paisagem geomorfológica em contexto de Brejo de Altitude e de áreas controladas por processos de semiaridez.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

01-11-2019

Como Citar

AVELINO DOS SANTOS, J. P.; FIRMINO DA SILVA, A.; VENTURA DA SILVA, C.; VALDIR DOS SANTOS, W.; JORGE DE LIMA, F. Caracterização geomorfológica do maciço de Água Branca e seu entorno: uma primeira aproximação. Revista de Geociências do Nordeste, [S. l.], v. 5, p. 143–156, 2019. DOI: 10.21680/2447-3359.2019v5n0ID18528. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/revistadoregne/article/view/18528. Acesso em: 27 maio. 2024.