IMPACTOS AMBIENTAIS DA CARCINICULTURA EM AMBIENTES COSTEIROS:

AVALIAÇÃO A PARTIR DE ANÁLISE BIBLIOMÉTRICA

Resumo


A carcinicultura tem apresentado elevado crescimento nas últimas décadas. No Brasil a maioria dos empreendimentos de criação de camarão ocorre em ambientes costeiros. Apresenta como objetivo identificar os principais impactos ambientais que a carcinicultura tem causado aos ambientes costeiros e através disso discutir sobre possíveis medidas de mitigação. Fez-se uso da pesquisa bibliográfica, verificou-se as produções acadêmicas publicadas em revistas científicas nacionais e internacionais entre os anos de 2015 a 2019 e que desenvolveram estudos acerca dos impactos ambientais da atividade da carcinicultura em ambientes costeiros. Utilizou-se a base de dados Google Acadêmico, como palavras-chave os termos em português “carcinicultura”, “impacto ambiental”, “degradação”. Inicialmente foram identificadas 504 produções acadêmicas entre monografias (teses, dissertações e trabalhos de conclusão de curso), além de artigos publicados em anais de eventos e revistas científicas. Foram excluídas monografias e inclusos somente trabalhos publicados em revistas científicas. Foram selecionados e analisados 21 artigos científicos que versavam sobre a proposta do estudo. Como resultado identificou-se 16 impactos ambientais causados pelo desenvolvimento da carcinicultura como: desmatamento e supressão das áreas de manguezais, contaminação de corpos hídricos, extinção de espécies pesqueiras e demais espécies da fauna costeira, intensificação do processo erosivo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Érico Rodrigues Gomes, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí - IFPI

Graduado em Geologia (1990) e mestrado em Geologia e Geoquímica pela Universidade Federal do Pará (2002), estudando as opalas encontradas em Pedro II e Buriti dos Montes (Piauí) e doutorado em Geografia pela UNESP/Rio Claro (2015) estudando nascentes de rios . Atualmente é professor do ensino básico, técnico e tecnológico do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí. Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em Prospecção, Meio Ambiente e Geoquímica.

Glairton Cardoso Rocha, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí - IFPI

Doutor pelo Programa de Pós Graduação em Geografia da Universidade Estadual Paulista - UNESP - Rio Claro (2015). Mestre em Geografia pela Universidade Estadual do Ceará (2008). Possui graduação em Geografia Licenciatura Plena pela Universidade Estadual do Ceará (2006). É Professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí, onde desenvolve trabalhos relacionados, essencialmente, a temática ambiental. Líder do Grupo de Pesquisa Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável do IFPI - MAMDES. Docente Permanente do Mestrado Profissional em Análise e Planejamento Espacial (IFPI). Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em Geografia Física, Geomorfologia, Geografia Costeira e Climatologia.

Publicado
22-09-2021
Como Citar
CAVALCANTE DE OLIVEIRA JÚNIOR, M. A.; RODRIGUES GOMES, ÉRICO; CARDOSO ROCHA, G. IMPACTOS AMBIENTAIS DA CARCINICULTURA EM AMBIENTES COSTEIROS:. Revista de Geociências do Nordeste, v. 7, n. 2, p. 193-201, 22 set. 2021.
Seção
Artigos