ESTUDO DA COMPOSIÇÃO E ABUNDÂNCIA DE ARANHAS (ARACHNIDA: ARANEAE) DE SOLO EM DUAS FITOFISIONOMIAS DO CERRADO, MARANHÃO, BRASIL

Resumo

O Brasil é um dos países com a maior diversidade de aranhas do mundo. No entanto, as estimativas em relação a real diversidade desses animais são bastante incipientes no Nordeste, principalmente no Maranhão. Foram coletados um total de 543 espécimes de aranhas de solo em duas fitofisionomias de Cerrado (Mata de Galeria e Cerrado sensu stricto) localizadas na APA Municipal do Inhamun, Caxias, Maranhão. Foram identificadas 23 famílias, 37 gêneros e 43 espécies (infraordem Araneomorphae), sendo que a maioria das espécies encontradas são registradas pela primeira vez para o estado do Maranhão. As famílias Corinnidae e Oonopidae apresentaram maior riqueza de espécies, enquanto a família Zodariidae a maior abundância de indivíduos. As espécies mais abundantes neste estudo foram Leprolochus birabeni e Corinna sp.1.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Francisco Ideilson Lima Soares, Universidade Estadual do Maranhão - UEMA

Possui graduação em Ciências Biológicas Licenciatura pela Universidade Estadual do Maranhão. Participou de projetos na área de Ecologia e Bioindicadores de Qualidade Ambiental. Tem experiência na identificação e caracterização de aracnídeos e araneofauna de solo. 

Luciana Alves da Luz Soares, Universidade Federal do Pará - UFPA

Possui graduação em Ciências Biológicas Licenciatura - UEMA, Mestrado em Ciência Animal - UEMA (2012-2014) e Doutorado em Biologia Ambiental com ênfase em Sistemática e Evolução - UFPA (2014-2018). Participou de projetos científicos na área de Genética e Biologia Molecular atuando como bolsista da FAPEMA, BIC/UEMA e CAPES. Tem experiência na caracterização molecular de peixes, análises filogenéticas e populacionais, sistemática, evolução e biogeografia de primatas. Teve experiência docente como professora substituta das disciplinas Anatomia Comparada Animal e Zoologia dos Vertebrados na Universidade Estadual do Maranhão - CESC/UEMA.

Luana da Luz dos Reis, Universidade Federal do Pará - UFPA

Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual do Maranhão - CESC/UEMA (2011), mestrado em Ciência Animal pela Universidade Estadual do Maranhão - UEMA (2014) e doutorado em Biologia Ambiental pela Universidade Federal do Pará - UFPA (2019). Experiência nas áreas de Genética e Biologia Molecular. 

Alana Ellen de Sousa Martins, Universidade Estadual do Maranhão - UEMA

Atualmente é Técnica do Laboratório da Fauna de Solo/LAFS da Universidade Estadual do Maranhão. Tem experiência na área de Biologia Geral, com ênfase em Fauna do solo.

Judson Chaves Rodrigues, Universidade Estadual do Maranhão - UEMA

Tem experiência na área de Ecologia, com ênfase em Ecologia de Ecossistemas.

Antonio Domingos Brescovit, Instituto Butantan

Possui graduação em Licenciatura em Ciências - Habilitação em Biologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1984), mestrado em Zoologia pela Universidade Federal do Paraná (1989) e doutorado em Zoologia pela Universidade Federal do Paraná (1995). Atualmente é pesquisador científico do Instituto Butantan, pesquisador associado da Universidade de São Paulo, - Acta Amazonica , - Papéis Avulsos de Zoologia (São Paulo) , - Iheringia. Série Zoologia , - Revista Brasileira de Zoologia, - Revista Biociências (Taubaté) , nenhum - American Museum Of Natural History, - Studies on Neotropical Fauna and Environment, - Biota Neotropica (Ed. Portuguesa), - Revista Ibérica de Aracnología, - Zootaxa (Online) e - Biotemas . Tem experiência na área de Zoologia, com ênfase em Taxonomia dos Grupos Recentes, atuando principalmente nos seguintes temas: araneae, arachnida, taxonomia, inventário de aranhas.

Luiza Daiana Araujo da Silva Formiga, Universidade Federal da Paraíba - UFPB

Possui graduação em ZOOTECNIA pela Universidade Estadual do Piauí (2006), mestrado em Sistemas Agrosilvopastoris no Semi-Árido pela Universidade Federal de Campina Grande (2010) e doutorado em Zootecnia pela Universidade Federal da Paraíba (2014). Atualmente é Professora Adjunta I da Universidade Estadual do Maranhão. Tem experiência na área de Zootecnia, com ênfase em Avaliação, Produção e Conservação de Forragens, atuando principalmente nos seguintes temas: cerrado, caatinga, semiárido, gramíneas, forragem, caprino, macrofauna, mesofauna, bioindicadores e qualidade ambiental. Coordena o Laboratório de Bioindicadores de Qualidade Ambiental no CESC/UEMA. 

Publicado
10-09-2020
Como Citar
SOARES, F. I. L.; SOARES, L. A. DA L.; REIS, L. DA L. DOS; MARTINS, A. E. DE S.; RODRIGUES, J. C.; BRESCOVIT, A. D.; FORMIGA, L. D. A. DA S. ESTUDO DA COMPOSIÇÃO E ABUNDÂNCIA DE ARANHAS (ARACHNIDA: ARANEAE) DE SOLO EM DUAS FITOFISIONOMIAS DO CERRADO, MARANHÃO, BRASIL . Revista de Geociências do Nordeste, v. 6, n. 2, p. 95-105, 10 set. 2020.
Seção
Artigos