Contribuição ao conhecimento do comportamento hidráulico de um aquífero fissural na região semiárida do brasil

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21680/2447-3359.2022v8n1ID25369

Resumo

Os aquíferos fraturados, em sua maioria, ocorrem em rochas cristalinas sendo marcados por uma baixa porosidade e baixa capacidade de produção. A área estudada localiza-se na porção sudeste do município de Passira (PE), essa região destacou-se por apresentar poços com vazões acima da média esperada para o contexto do semiárido. Para levantar hipóteses que justifiquem essas vazões anômalas, foram realizadas atividades de campo, cadastro de 62 poços e 7 ensaios de bombeamento com duração de até 60 minutos. Foram coletadas informações de NE, Q e CE da água. Observou-se que o principal litotipo da área é o Complexo Metanortosítico de Passira (CMAP), que é composto por rochas anortosíticas com intenso fraturamento. Esse fraturamento, juntamente com as características da rocha em si são favoráveis ao armazenamento e percolação da água. No entanto, a maior parte dos poços atualmente encontram-se desativados ou com vazões abaixo das iniciais. Sugere-se que esse cenário tenha mudado devido a grande explotação de água, aliado à grande quantidade de novos poços perfurados e a baixa recarga. Assim, embora a rocha apresente boas condições de armazenamento, a heterogeneidade do aquífero leva à limitações na sua capacidade de produção, sendo essencial um monitoramento para melhor gestão do aquífero.

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

14-04-2022

Como Citar

DA SILVA, G. M. .; ALVES DEMETRIO, J. G. Contribuição ao conhecimento do comportamento hidráulico de um aquífero fissural na região semiárida do brasil. Revista de Geociências do Nordeste, [S. l.], v. 8, n. 1, p. 87–102, 2022. DOI: 10.21680/2447-3359.2022v8n1ID25369. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/revistadoregne/article/view/25369. Acesso em: 10 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos