O amor nos tempos do cólera

um relato de experiências didáticas interinstitucionais em meio à pandemia

  • Hugo Segawa Universidade de São Paulo, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo.
  • Sérgio Moacir Marques Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Faculdade de Arquitetura
  • Fernando Diniz Moreira Universidade Federal de Pernambuco, Depto. de Arquitetura e Urbanismo, PPG em Desenvolvimento Urbano
  • Mônica Junqueira de Camargo Universidade de São Paulo, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo.
  • Ivo Giroto Universidade de São Paulo, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo.
  • Maria Luiza Macedo Xavier de Freitas Universidade Federal de Pernambuco, Departamento de Arquitetura e Urbanismo, Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Urbano (MDU)
Palavras-chave: ensino de arquitetura, pesquisa em arquitetura, arquitetura brasileira contemporânea, arquitetura moderna brasileira, ensino remoto

Resumo

O isolamento devido à pandemia Covid-19 no Brasil a partir de março de 2020 impôs desafios inéditos ao ensino: a falta de convivência social, fundamental à troca de ideias, e o ensino remoto como única alternativa para a superação do problema, para o qual docentes e discentes, até então não preparados para operá-lo, exigiram respostas rápidas. A experiência inédita de compartilhamento de uma disciplina reunindo cursos dos programas de pós-graduação da FAU/USP, do MDU/UFPE e do PROPAR/UFRGS, a partir dos antecedentes de cada um, levantou várias questões para contribuir para a discussão do ensino, da pesquisa e para a cultura arquitetônica. No âmbito didático-pedagógico, possibilitou uma rica troca entre docentes e discentes, questionando as práticas correntes e abrindo caminho para reflexões futuras; em relação ao conteúdo ampliou o leque de referências críticas e de obras arquitetônicas, impondo uma necessária revisão da historiografia. Muitas outras propostas se desencadearam no ensino superior para o enfrentamento da pandemia. Colocar em debate as estratégias adotadas e os resultados obtidos por esse tripé acadêmico pode estimular significativas mudanças no ensino de arquitetura.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

As referências estão citadas ao longo do texto.
Publicado
28-09-2021
Como Citar
SEGAWA, H.; MOACIR MARQUES, S.; DINIZ MOREIRA, F.; JUNQUEIRA DE CAMARGO, M.; GIROTO, I.; MACEDO XAVIER DE FREITAS, M. L. O amor nos tempos do cólera. Revista Projetar - Projeto e Percepção do Ambiente, v. 6, n. 3, p. 08-23, 28 set. 2021.