QUADRAS DE PASSAGEM

um estudo da vitalidade das galerias comerciais de Passo Fundo-RS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21680/2448-296X.2022v7n2ID27544

Palavras-chave:

Galerias comerciais; permeabilidade urbana; vitalidade urbana

Resumo

Símbolo da modernização das cidades europeias, as galerias comerciais prosperaram como principal tipologia comercial durante o século XIX, mas perderam protagonismo na vida e na paisagem urbana das cidades europeias com a chegada do século XX. Sendo caracterizada como elemento arquitetônico e urbano, as galerias comerciais podem contribuir com os fenômenos de vitalidade e centralidade das cidades, constituindo um elemento de circulação urbana através de seus interiores de uso coletivo, destinados exclusivamente aos pedestres. O presente artigo tem como objetivo estudar as dinâmicas de uso e apropriação das galerias comerciais da cidade de Passo Fundo, um município com característica de centro regional estadual, que atende as demandas comerciais e de serviços de saúde e educação superior no norte do estado do Rio Grande do Sul. Tem como objetivos específicos o estudo sobre a tipologia das galerias comerciais e a cidade contemporânea, o mapeamento e a análise da composição das galerias comerciais encontradas na cidade. Para tanto, utiliza-se uma metodologia de pesquisa de caráter observacional e analítico-descritiva, abordando o tema sob parâmetros bibliográficos e de pesquisa de campo. A pesquisa buscou mapear a movimentação nos espaços internos das 33 galerias comerciais encontradas em Passo Fundo para compreender como algumas configuram-se como solução arquitetônica para a diversidade de usos no centro da cidade e um maior aproveitamento do solo urbano, enquanto outras estabelecem uma influência em escala urbana ao contribuir com a mobilidade peatonal no tecido da cidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dirceu Piccinato Junior, Faculdade Meridional - IMED

Doutor em Urbanismo.

Helena do Nascimento de Souza, Faculdade Meridional - IMED

Graduanda em Arquitetura e Urbanismo - IMED.

Referências

ALEIXO, Cynthia Augusta Poleto. Edifícios e galerias comerciais: arquitetura e comércio na cidade de São Paulo. 2006. Dissertação (Mestrado em Tecnologia do Ambiente Construído) – Escola de Engenharia de São Carlos, Universidade de São Paulo, São Carlos, 2005. DOI: 10.11606/D.18.2005.tde-07012007-201920. Acesso em: 29 ago. 2021.

BORTOLI, Fábio. Espaços públicos de propriedade privada: O Shopping Center. 2017. Dissertação (Doutorado em Arquitetura) - Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2017.

BRAIDA, F. Passagens em rede: a dinâmica das galerias comerciais e dos calçadões nos centros de Juiz de Fora e Buenos Aires. Juiz de Fora: Funalfa: Ed. UFJF, 2011.

CARVALHO, Giuliano Orsi Marques de. As galerias de Juiz de Fora: urbanidade da área central. 2016. 121 p. Dissertação (Mestrado em Urbanismo) – Pontífica Universidade Católica de Campinas, Campinas, 2006.

IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Produto Interno Bruto dos Municípios, 2018. Disponível em: https://cidades.ibge.gov.br/brasil/rs/passo-fundo/pesquisa/38/47001?tipo=ranking&indicador=46997. Acesso em: 13 dez. 2021.

IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Regiões de Influência das Cidades, 2018 – Rio de Janeiro: IBGE, 2020. Disponível em: https://biblioteca.ibge.gov.br/index.php/biblioteca-catalogo?view=detalhes&id=2101728; Acesso em 05 set. 2021.

GARDINI, P. R. Modelo monocêntrico de urbanização: teste na região de Curitiba. Trabalho de Conclusão de Curso de Especialização. Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Econômico - Ciências Sociais Aplicadas. Universidade Federal do Paraná, 2013. Disponível em: https://acervodigital.ufpr.br/bitstream/handle/1884/49645/R%20-%20E%20-%20PAULO%20RODOLFO%20GARDINI.pdf?sequence=1&isAllowed=y; Acesso em: 05 mai. 2021.

GEIST, Johann Friedrich. Arcades: The history of a building type. Cambrige, Massachusets: The MIT Press, 1983. 596 p. ISBN 0-262-07082-0. Disponível em: https://archive.org/details/arcadeshistoryof0000geis/page/n7/mode/2up. Acesso em: 29 ago. 2021.

FERRETTO, Diego. Passo Fundo: Estruturação urbana de uma cidade média gaúcha. 2012. Dissertação (Mestre em Arquitetura e Urbanismo) - Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012.

FERRETTO, Diego. Segregação socioespacial em cidades médias gaúchas: Caxias do Sul, Passo Fundo, Pelotas e Santa Maria. São Paulo, 2018.

GOSCH, Luiz Roberto Medeiros. Passo Fundo: De Saturnino de Brito ao Mercosul, projetos e imagens urbanas. 2002. Dissertação (Mestre em Urbanismo) - Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2002.

KNACK, Eduardo Roberto Jordão. Modernização do espaço urbano e patrimônio histórico: Passo Fundo, RS. 2007. Dissertação (Mestrado em História) - Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade de Passo Fundo, Passo Fundo, 2007.

MARTINS, G. de A.; THEÓPHILO, C. R. Metodologia da investigação científica para ciências sociais aplicadas. São Paulo: Atlas, 2007.

PALHARES, Taísa. 1 Vídeo (2 h 28min 2seg). Walter Benjamin e a crítica da modernidade. Publicado pelo canal Sesc São Paulo. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=RhYRWFiI34A. Acesso em: 20 ago. 2021.

Downloads

Publicado

27-05-2022

Como Citar

PICCINATO JUNIOR, D.; DO NASCIMENTO DE SOUZA, H. QUADRAS DE PASSAGEM: um estudo da vitalidade das galerias comerciais de Passo Fundo-RS. Revista Projetar - Projeto e Percepção do Ambiente, [S. l.], v. 7, n. 2, p. 192–205, 2022. DOI: 10.21680/2448-296X.2022v7n2ID27544. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/revprojetar/article/view/27544. Acesso em: 27 set. 2022.