Utilização de sistemas de informações gerenciais sob a perspectiva de produtores rurais

Palavras-chave: Contabilidade Gerencial. Produtores Rurais. Sistema de Informação Gerencial.

Resumo

Objetivo: Avaliar os reflexos da utilização de Sistemas de Informações Gerenciais (SIG) na gestão das pequenas empresas do ramo da atividade rural.

Metodologia: Nesse estudo, aplicou-se questionários para os produtores rurais que utilizam o sistema contábil convencional, obtendo 37 respostas. Adicionalmente, 7 entrevistas foram realizadas com produtores rurais que passaram a utilizar o SIG para controlar suas atividades.

 Resultados: Com o uso da análise das diferenças entre os respondentes que usam ou não o SIG, permitiu-se identificar quais pontos estão atrelados à sua implantação, além de avaliar os benefícios obtidos a partir do sistema utilizado. Os resultados indicam que o uso do SIG refletiu de forma positiva na gestão, sobretudo no que tange ao controle de custos e da cultura, previsões de necessidades, aumento no lucro e auxílio na tomada de decisões.

Contribuições do Estudo: Os achados do estudo esclarecem a implicação prática com o uso do SIG em propriedades rurais, como a receptividade para o uso do sistema e, principalmente, que vantagens com o uso são mais indicadas por respondentes de propriedades que já fazem seu uso. Nesse sentido, reforça-se a necessidade de os empresários contábeis instigarem o uso de ferramentas gerenciais aos produtores rurais que ainda não usam, mas consideram como benéfico o uso dos SIG.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Andressa Bittarello, Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO).

Bachelor of Accounting.

Stella Maris Lima Altoé, Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Doctoral degree in Accounting at Universidade Federal do Paraná (UFPR), Professor in the Accounting course at Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO).

Ricardo Suave, Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO).

Doctoral degree in Accounting and Controllership at Universidade de São Paulo (USP), Professor in the Accounting course at Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO).

Referências

Almeida, L. D., Costa, F. D., Panhoca, L., Gomes, G. D. A., & Robazza, W. D. S. (2011). Práticas de controles gerenciais pelos produtores de leite no Oeste de Santa Catarina que adotam o método de Pastoreio Racional Voisin (PRV). Custos e Agronegócio on line, 7(1), 120-139.

Atkinson, A. A., Banker, R. D., Kaplan, R. S., & Young, S. M. (2011). Contabilidade Gerencial. 3. ed. São Paulo: Atlas.

Bazzotti, C., & Garcia, E. (2006). A importância do sistema de informação gerencial na gestão empresarial para tomada de decisões. Ciências Sociais Aplicadas em Revista, 6(11), 1-18.

Beuren, I. M., Barp, A. D., & Filipin, R. (2013). Barreiras e possibilidades de aplicação da contabilidade gerencial em micro e pequenas empresas por meio de empresas de serviços contábeis. ConTexto, 13(24), 79-92.

Borilli, S. P., Philippsen, R. B., Ribeiro, R. G., & Hofer, E. (2005). O uso da contabilidade rural como uma ferramenta gerencial: um estudo de caso dos produtores rurais no município de Toledo–PR. Revista de Ciências Empresariais da UNIPAR, 6(1), 77-95.

Canziani, J. R. F. (2001). Assessoria administrativa a produtores rurais no Brasil. Tese de Doutorado. Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”, Universidade de São Paulo, Piracicaba, São Paulo. Retrieved from https://teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11132/tde-28042004-105912/publico/jose.pdf.

Crepaldi, S. A. (2011). Contabilidade gerencial: teoria e prática. 5. ed. São Paulo: Atlas.

Embrapa - Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. (2020). Pesquisa mostra o retrato da agricultura digital brasileira. Disponível em: https://www.embrapa.br/busca-de-noticias/-/noticia/54770717/pesquisa-mostra-o-retrato-da-agricultura-digital-brasileira.

Fonseca, E. F. de M., & Garcia, O. P. G. O sistema de informação gerencial e sua importância no desenvolvimento das empresas. Revista Ciências Sociais em Perspectiva, 6(11), 11-25.

Guerreiro, R., Frezatti, F., & Casado, T. (2006). Em busca de um melhor entendimento da contabilidade gerencial através da integração de conceitos da psicologia, cultura organizacional e teoria institucional. Revista Contabilidade & Finanças, 17, 7-21.

Hofer, E., Pacheco, V., Souza, A., & Protil, R. M. (2011). A relevância do controle contábil para o desenvolvimento do agronegócio em pequenas e médias propriedades rurais. Revista Contabilidade e Controladoria, 3(1), 27-42.

Iudícibus, S. de (2009). Contabilidade gerencial. 6. ed. São Paulo: Atlas.

Kroenke, D. (2012). Sistemas de informação gerenciais. São Paulo: Saraiva.

Kruger, S. D., Mazzioni, S., & Boettcher, S. F. (2009). A importância da contabilidade para a gestão das propriedades rurais. Anais do Congresso Brasileiro de Custos, São Leopoldo-RS. Brasil.

Machado, J. R., Rape, S. F. De L., & Souza, S. R. (2015). Contabilidade Gerencial e sua importância para a gestão e tomada de decisão das empresas contemporâneas. Revista Eletrônica dos Cursos de Administração e Ciências Contábeis, 11.

Marconi, M. De A., & Lakatos, E. M. (2003). Fundamentos de metodologia científica. 5. ed. São Paulo: Atlas.

Marion, J. C. (2009). Contabilidade básica. 10. ed. São Paulo: Atlas.

Mazzioni, S., Zanin, A., Kruger, S. D., & da Rocha, J. L. K. (2006). A importância dos controles gerenciais para o agribusiness. Revista Catarinense da Ciência Contábil, 6(16), 9-26.

Oliveira, D. de P. R. de. (2008). Sistemas de informações gerenciais: estratégicas táticas operacionais. 12. ed. São Paulo: Atlas.

Oliveira, S. F., & Menelau, A. S. (2018). Sistema de informação gerencial aplicado ao agronegócio da uva na região do polo brasileiro de frutas. Revista em Agronegócio e Meio Ambiente, 11(2), 363-384.

Padoveze, C. L. (2010). Contabilidade gerencial: um enfoque em sistema de informação contábil. 7. ed. São Paulo: Atlas.

Sales, R., Barros, A., & Pereira, C. (2011). Fatores condicionantes da mortalidade dos pequenos negócios em um típico município interiorano brasileiro. Revista da Micro e Pequena Empresa, 2(2), 38-55.

SEBRAE - Serviço Brasileiro de apoio às micro e pequenas empresas. (2011). Taxa de sobrevivência das empresas no Brasil. Retrieved from

http://www.sebrae.com.br/Sebrae/Portal%20Sebrae/Anexos/Sobrevivencia_das_empresas_no_Brasil_2011.pdf.

Silva, M. Z., Rech, L. C., & Rech, G. M. (2010). Estudo sobre as práticas de gestão utilizadas no gerenciamento das pequenas propriedades rurais de Guaramirim. Revista Ciências Sociais em Perspectiva, 9(17), 57-74.

Thomas, R. L. (2019). Capital Paranaense da Cevada e do Malte, Guarapuava produz 40% da cevada do País. Retrieved from https://gmaisnoticias.com/capital-paranaense-da-cevada-e-do-malte-guarapuava-produz-40-da-cevada-do-pais.

Zanin, A., Oenning, V., Tres, N., Kruger, S. D., & Gubiani, C. A. (2014). Gestão das propriedades rurais do Oeste de Santa Catarina: as fragilidades da estrutura organizacional e a necessidade do uso de controles contábeis. Revista Catarinense da Ciência Contábil, 13(40), 9-19.

Publicado
02-07-2021
Como Citar
BITTARELLO, A.; ALTOÉ, S. M. L.; SUAVE, R. Utilização de sistemas de informações gerenciais sob a perspectiva de produtores rurais. REVISTA AMBIENTE CONTÁBIL - Universidade Federal do Rio Grande do Norte - ISSN 2176-9036, v. 13, n. 2, 2 jul. 2021.
Seção
Seção 7: Internacional (S7)