Perspectivas e Decisões de Carreira: dilemas entre a vida profissional e pessoal

Palavras-chave: Carreira; Planejamento de Vida; Desenvolvimento Pessoal e Profissional.

Resumo

Filho exemplar. Funcionário destacado de uma notável empresa de consultoria. Um aluno esforçado e inteligente, formado em Administração e pós-graduado em sua área. Sobretudo, com muitos sonhos e perspectivas profissionais. Antonio Cataldi é um indivíduo comum, que facilmente poderia ser confundido com uma pessoa próxima, ou mesmo, o próprio leitor, devido à sua história de vida. Com muito esforço e vencendo diversas barreiras, o protagonista conseguiu se estabelecer profissionalmente e ser uma referência em sua área. Porém, tamanha dedicação teve um preço: negligenciou, em demasia, outros aspectos da vida em nome da construção de sua carreira. Cataldi precisa alcançar o equilíbrio entre o desenvolvimento pessoal e profissional e esse é o seu dilema: mas como? Apesar de ser uma personagem fictícia, ela foi construída com base nos dilemas, ansiedades e compartilhamento de experiências, a partir da vivência em pós-graduação e em processos de orientação de carreira, desde 2004, gerando grande identificação nos alunos e participantes. O objetivo do trabalho foi desenvolver nos leitores e realizadores do caso, principalmente alunos de pós-graduação, a capacidade de reflexão em um olhar crítico e contemplativo sobre as suas vidas e carreiras. A metodologia utilizada foi a de “observação sistemática”. A principal contribuição prática foi, em sua aplicação há cerca de 3.000 alunos de MBA e pós-MBA de educação executiva, com idades concentradas entre o espectro 25-35 anos (90% do público), gerar a iniciativa e a execução de um planejamento pessoal e profissional (cerca de 20% com profissional de orientação, por meio de mentoring ou coaching, após acompanhamento de carreira de grupo controle), de forma harmônica, para que o seu crescimento profissional não seja acompanhado de arrependimentos futuros. Muitos estudantes e jovens profissionais parecem apresentar os mesmos desafios de carreiras, mesmos dilemas e indecisões do protagonista. A principal conclusão é que negligenciar ou anular aspectos julgados como importantes na vida de cada indivíduo em desenvolvimento pode gerar dissonâncias e instabilidade emocional, além de afetar escolhas profissionais futuras.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ARTHUR, M.; CLAMAN, P.; DE FILLIPI, R. Intelligent Enterprise, Intelligent Careers. Academy of Management Executive. v. 9, n. 4, pp. 7-39, 1995.

BHARDWAJ, A.; MISHRA, S.; JAIN, T. Analysis of strategic leadership for organizational transformation and employee engagement. Materials Today: Proceedings. June.2020. https://doi.org/10.1016/j.matpr.2020.04.774

CALVOSA, M. Tecnologia e Organização do Trabalho. Rio de Janeiro: Fundação CECIERJ, 2010. 372p. Disponível em <https://canalcederj.cecierj.edu.br/recurso/5279>. Acesso: 02.jun.2020.

CHANLAT, J. Quais carreiras e para qual sociedade? RAE - Revista de Administração de Empresas. v. 35, n. 6, pp. 67-75, 1995.

COSTA, A. DA; BARROS, J. DE; OLIVEIRA, A.; SAMPAIO, N. Management by Competencies in Human Resources. Research, Society and Development, v. 9, n. 8, 2020. http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v9i8.5383

CRUZ, A. et al. Desenvolvimento Pessoal e Profissional de Futuros Gestores: como a Geração Y encara as competências necessárias para o aumento da empregabilidade e para o sucesso no ambiente profissional. In: Encontro da ANPAD. Rio de Janeiro. XXXVI ENANPAD, 2012.

DUTRA, J. Gestão de Carreiras na Empresa Contemporânea. SP: Atlas, 2010.

DUTRA, J. Administração da Carreira: uma proposta para repensar a gestão de pessoas. SP: Atlas, 1996.

FERREIRA da SILVA, B. et al. Soft Skills: rumo ao sucesso no mundo profissional. Interface Tecnológica, v. 17, n. 1, 2020. https://doi.org/10.31510/infa.v17i1.797

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 5.ed. São Paulo: Atlas, 1999.

HALL, D.; MIRVIS, P. The career is dead, long live the career: a relational approach to careers. San Francisco. Jossey-Bass, 1996.

HAYES, S.; BURKETT, J. Almost a Principal: Coaching and Training Assistant Principals for the Next Level of Leadership. Journal of School Leadership. 2020. https://doi.org/10.1177/1052684620912673

LUZ, S.; GIANINI, T. O Caminho para o Topo. Site Exame.com. Disponível em <http://exame.abril.com.br/revista-exame/edicoes/0895/noticias/o-caminho-para-o-topo-m0131320>. Acesso em 10.maio.2020.

MARIANO, S.; SALIM, C.; NASAJON, C.; SALIM, H. Administração Empreendedora - Teoria e Prática usando Estudos de Caso. Rio de Jan.: Elsevier, 2004.

MAYRHOFER, W.; SMALE, A.; BRISCOE, J.; DICKMANN, M.; PARRY, E. Laying the foundations of international careers research. Human Resource Management Journal, pp. 1-16, Apr.2020. http://dx.doi.org/10.1111/1748-8583.12295

SARASWATI, A.; PURWANA, D.; ERYANTO, H. The Influence of Protean Career Attitude on Proactive Work Behavior with Passion for Work and Career Self Management as Mediator Milennial Employees. International Journal of Human Capital Management, v. 4, n. 1, pp. 74-81, June 2020. https://doi.org/10.21009/IJHCM.04.01.06

SCHEIN, E. Identidade profissional: como ajustar suas inclinações e suas opções de trabalho. São Paulo. Nobel, 1996.

SOBRAL, F.; FURTADO, L. A liderança pós-heroica: tendências atuais e desafios para o ensino de liderança. RAE - Revista de Administração de Empresas FGV EAESP. São Paulo, v. 59, n. 3, pp. 209-214, 2019. https://doi.org/10.1590/S0034-759020190306

RUDIO, F. C. Introdução ao projeto de pesquisa científica. Petrópolis: Vozes, 2002.

Publicado
02-12-2020
Como Citar
CALVOSA, M. V. D. Perspectivas e Decisões de Carreira: dilemas entre a vida profissional e pessoal. Revista de Casos e Consultoria, v. 11, n. 1, p. e11129, 2 dez. 2020.
Seção
Casos