Rural e urbano em trânsito

fotografias da vida cotidiana em uma cidade cearense

Autores

  • Antonio Micael Pontes da Silva Universidade Federal do Ceará
  • Antonio Ailton de Sousa Lima Universidade Federal do Ceará
  • André Victor da Silva Oliveira Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira

DOI:

https://doi.org/10.21680/2446-5674.2023v10n19ID30809

Palavras-chave:

Rural, Antropologia da Imagem, Urbano, Comunidade, Fotografia

Resumo

Este estudo se constitui em torno das questões que permeiam o ato fotográfico e as formas de expressão visual do social no âmbito da mobilidade rural e urbana. Objetiva-se analisar a fotografia como dispositivo e instrumento teórico-metodológico de compreensão social entre rural e urbano tendo como fio condutor o pau de arara. Assim, versa sobre uma experiência fotográfica na comunidade rural Riacho das Pedras até o centro urbano de Redenção, no Ceará. O artigo segue uma abordagem qualitativa, ancorada na observação participante sob uma análise crítica do discurso. Este percurso permite estimular um olhar crítico e simultaneamente imagético das dinâmicas cotidianas entre rural e urbano que fomenta a realidade social de uma cidade interiorana.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Antonio Micael Pontes da Silva, Universidade Federal do Ceará

Mestre em Sociologia na Universidade Federal do Ceará (UFC), Licenciado em Sociologia na Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB) e Bacharel em Humanidades na Unilab. Membro do Grupo de Pesquisa Filosofia e Linguagens Artísticas Modernas e Contemporâneas (FLAMCO/Unilab).

Antonio Ailton de Sousa Lima, Universidade Federal do Ceará

Doutorando e Mestre em Psicologia pela Universidade Federal do Ceará (UFC); Especialista em Gestão Pública Municipal; Bacharel em Humanidades e Licenciado em Sociologia pela Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-brasileira (UNILAB). Atualmente atua como pesquisador colaborador na Rede de Estudos e Afrontamentos das Pobrezas, Discriminações e Resistências (reaPODERE).

André Victor da Silva Oliveira, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira

Mestre Interdisciplinar em Humanidades (POSIH/Unilab) com bolsa de dedicação exclusiva (FUNCAP). Licenciatura plena em História (IH/Unilab), sendo bolsista do Programa Residência Pedagógica (CAPES) do subprojeto de História e pesquisador voluntário de Iniciação Científica (FUNCAP). Bacharelado Interdisciplinar em Humanidades (IHL/Unilab), com experiência na área da Antropologia, com ênfase em Antropologia Rural. Membro do Grupo de Pesquisa "Trabalho, Cultura e Migrações no Ceará" (CNPq).

Referências

ASSARÉ, Patativa do. Cordéis. Fortaleza: EUFC, 2002.

BARBIER, Renée. A pesquisa-ação. Brasília: Editora Plano, 2002.

BARBOSA, Vilkiane Natercia Malherme. As implicações psicossociais da pobreza na relação entre sentido de comunidade e desigualdades sociais de gênero no Parque da Liberdade. 2020.170f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) — Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2020.

BARTHES, Roland. A câmara clara: nota sobre a fotografia. 3.ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1984.

BECKER, Howard Saul. Falando da Sociedade: ensaios sobre as diferentes maneiras de representar o social. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2009.

BELTING, Hans. Por uma antropologia da imagem. Concinnitas, n. 8, p. 64–78, 2005.

BLUMER, Herbert. A natureza do interacionismo simbólico. In: MORTENSEN, C. David. Teorias da comunicação: textos básicos. São Paulo: Mosaico, 1980. p. 119–137.

CAMARANO, Ana Amélia; ABRAMOVAY, Ricardo. Êxodo Rural, Envelhecimento e Masculinização no Brasil: Panorama dos Últimos 50 Anos. Texto para discussão nº 621. Rio de Janeiro: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, 1999.

CANEVACCI, Massimo. A Antropologia da Comunicação Visual. São Paulo: Brasiliense, 1990.

CARNEIRO, Maria José. O ideal rurbano: campo e cidade no imaginário de jovens rurais. In: SILVA, Francisco Carlos Teixeira; SANTOS, Raimundo; COSTA, Luis Flávio (Org.). Mundo rural e política: ensaios interdisciplinares. Rio de Janeiro: Campus, 1998. p. 94–118.

CARNEIRO, Maria José; CASTRO, Elisa Guaraná (Orgs.). Juventude rural em perspectiva. Rio de Janeiro: Mauad X, 2007.

CARTIER-BRESSON, Henri. O imaginário segundo a natureza. Barcelona: Ed. GG, 2004.

CASTRO, Manuel Antônio de. Leitura: questões. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 2015.

CERTEAU, Michel de. A invenção do cotidiano: as artes de fazer. Petrópolis: Vozes, 1998.

CHOULIARAKI, Lilie; FAIRCLOUGH, Norman. Discourse in late modernity: rethinking critical discourse analysis. Edinburgh: Edinburhg University Press, 1999.

CLASTRES, Pierre. A Sociedade Contra o Estado. Rio de Janeiro: São Francisco Alves, 1990.

COUTINHO, Maria Chalfin; OLIVEIRA, Fábio de; SATO, Leny. Olhar o cotidiano: percursos para uma psicologia social do trabalho. Psicologia USP, v. 27, n. 2, p. 289–295, 2016.

DUBOIS, Philippe. O ato fotográfico e outros ensaios. Campinas-SP: Papirus, 1993.

DURKHEIM, Émile. As formas elementares da vida religiosa: o sistema totêmico na Austrália. São Paulo: Martins Fontes, 1996.

FALCON, Francisco; RODRIGUES, Antonio Edmilson. A formação do mundo moderno: a construção do Ocidente dos séculos XIV ao XVIII. 2.ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2006.

FALS BORDA, Orlando. Romper el monopolio del conocimiento. In: HERRERA FARFÁN, Nicolás Armando.; LÓPEZ GUSMAN, Lorena. (Orgs.). Compromiso y cambio social. Textos de Orlando Fals Borda. Buenos Aires: El Colectivo Lanzas, 2013. p. 253–263.

FLUSSER, Vilém. Filosofia da caixa preta: Ensaios para uma futura filosofia da fotografia. São Paulo: Hucitec, 1985.

FRIGOTTO, Gaudêncio. A interdisciplinaridade como necessidade e como problema nas ciências sociais. In: JANTSCH, Ari Paulo; BIANCHETTI, Lucídio (Orgs.). Interdisciplinaridade: para além da filosofia do sujeito. Petrópolis: Vozes, 1995. p. 25–49.

GILBERT, Ana Cristina Bohrer; KELLERMAN, Paulo. Geografias corporais: dança, corpo e deficiência. Interface – Comunicação, Saúde, Educação, v. 24, p. 1–28, 2020.

GÓIS, Cezar Wagner de Lima. Noções de Psicologia Comunitária. Fortaleza: Edições UFC, 1993.

IBGE. Cidade de Redenção-CE. Disponível em: https://www.ibge.gov.br/cidades-e-estados/ce/redencao.html. Acesso em: 08 ago. 2022.

IPECE. Gerência de Estatística, Geografia e Informações. Disponível em: https://www.ipece.ce.gov.br/estatistica-e-geografia/. Acesso em: 10 ago. 2022.

JOAS, Hans; KNÖBL, Wolfgang. Abordagens Interpretativas (1): interacionismo simbólico. In: JOAS, Hans; KNÖBL, Wolfgang. Teoria Social: vinte lições introdutórias. Petrópolis: Vozes, 2017. p. 154–172.

LEAL, Victor Nunes. Coronelismo, enxada e voto: o município e o regime representativo no Brasil. São Paulo: Companhia das Letras, 2012.

LÉVI-STRAUSS, Claude. A eficácia simbólica. In: LÉVI-STRAUSS, Claude. Antropologia estrutural. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1996. p. 215–236.

MAGALHÃES, Célia Maria. Reflexões sobre Análise Crítica do Discurso (Org). Belo Horizonte: Faculdade de Letras, UFMG, 2001.

MARQUES, Teresa Sá. Dinâmicas territoriais e as relações urbano-rurais. Revista da Faculdade de Letras – Geografia, v. XIX, p. 507–521, 2003.

MARTINS, José de Souza. A fotografia e a vida cotidiana: ocultações e revelações. Sociologia da Fotografia e da Imagem. São Paulo: Contexto, 2016.

MINAYO, Maria Cecília de Souza. Ciência, técnica e arte: o desafio da pesquisa social. In: MINAYO, Maria Cecília de Souza (Org). Pesquisa Social: teoria, método e criatividade. Petrópolis: Vozes, 2002. p. 9–30.

MUELLER, Charles C.; MARTINE, George. Modernização da agropecuária, emprego agrícola e êxodo rural no Brasil - a década de 1980. Revista Brasileira de Economia Política, v. 17, n. 3, p. 85–104, 1997.

REBOUÇAS JÚNIOR, Francisco Gilmário; XIMENES, Verônica Morais. Psicologia comunitária e psicologia histórico-cultural: análise e vivência da atividade comunitária pelo método dialógico-vivencial. Pesquisas e Práticas Psicossociais, v. 2, n. 5, p. 151–162, 2010.

RODRIGUES JÚNIOR, Adail Sebastião. Análise crítica do discurso: modismo, teoria ou método? RBLA, v. 9, n. 1, p. 99–132, 2009.

ROUILLÉ, André. Tensões da fotografia. In: ROUILLÉ, André. A fotografia: Entre documento e arte contemporânea. São Paulo: Editora SENAC São Paulo, 2009. p. 189–229.

SANCHES-JUSTO, Joana. O ato fotográfico: memória, prospecção e produção de sentidos na velhice. São Paulo: Cultura Acadêmica, 2013.

SARASON, Seymour Bernard. The psychological sense of community: prospects for a community psychology. San Francisco: Jossey Bass, 1974.

SILVA, Flávio José Rocha da. Nordeste: imagem real ou fabricada? Revista de Ciências Sociais, v. 49, n. 2, p. 575–600, 2018.

SILVA, Ivo Luis Oliveira; PEREIRA, Glecy Anne Castro; MAPURUNGA, Gláudia Mota Portela. Pau de Arara e o vai e vém das romarias: um estudo etnográfico do transporte no município de Canindé – Ceará. Cenário – Centro de Excelência em Turismo da Universidade de Brasília, Brasília, v. 2, n. 2, p. 104–120, 2014.

TEDESCO, João Carlos. Paradigmas do cotidiano: introdução à constituição de um campo de análise social. Santa Cruz do Sul: Edunisc, 1999.

VON DER WEID, Olivia. Fotografias de cegos: olhar além da visão. Revista Sociedade e Cultura, v. 22: e. 53796, p. 1–48, 2020.

WEBER, Max. Economia e Sociedade: fundamentos da sociologia compreensiva. 4. ed. vol. 1. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 2009.

WILLIAMS, Raymond. O campo e a cidade: na história e na literatura. São Paulo: Companhia das Letras, 1988.

XIMENES, Verônica Morais; MOURA JÚNIOR, James Ferreira. Psicologia Comunitária e Comunidades Rurais do Ceará: caminhos, práticas e vivências em extensão universitária. In: LEITE, Jáder Ferreira; DIMENSTEIN, Magda (Org.). Psicologia e Contextos Rurais. Natal: EDUFRN, 2013. p. 453–476.

ZARIAS, Alexandre; LE BRETON, David. Corpos, emoções e risco: vias de compreensão dos modos de ação individual e coletivo. Sociologias, v. 21, n. 52, p. 20–32, 2019.

Downloads

Publicado

14-09-2023

Como Citar

SILVA, A. M. P. da; LIMA, A. A. de S.; OLIVEIRA, A. V. da S. Rural e urbano em trânsito: fotografias da vida cotidiana em uma cidade cearense . Equatorial – Revista do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social, [S. l.], v. 10, n. 19, p. 1–24, 2023. DOI: 10.21680/2446-5674.2023v10n19ID30809. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/equatorial/article/view/30809. Acesso em: 23 jul. 2024.