Gênero e prisão

os impactos do sistema prisional sobre a desigualdade social e invisibilidade da mulher encarcerada no estado de Alagoas

  • Bruna Araújo de Melo Ferreira Centro Universitário Tiradentes Maceió
  • Ialy Virgínia de Melo Baía Centro Universitário Tiradentes Maceió
Palavras-chave: Prisão, Mulher, Invisibilidade

Resumo

Este trabalho estuda o sistema prisional de uma maneira histórica, compreendendo a mulher
como vítima da violência e da desigualdade de gênero dentro desse espaço, visto que a prisão
muitas vezes culminando no processo de invisibilidade do indivíduo, acaba potencializando
essa invisibilidade na mulher, uma vez que esta já vivencia essa realidade socialmente. O
estudo faz uma análise de conteúdo baseada na teoria de Laurence Bardin, na qual observa
a influência da construção social e subjetiva da mulher para com violação da dignidade da
mesma no ambiente prisional. A finalidade da pesquisa se baseia na investigação da visão
dessas mulheres sobre a instituição, buscando promover assim o cuidado acerca do direito
destas nesse espaço. Com isso, pretende-se auxiliar futuras pesquisas.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
14-10-2018
Como Citar
FERREIRA, B. A. DE M.; BAÍA, I. V. DE M. Gênero e prisão. Revista Espacialidades, v. 13, n. 01, p. 127-157, 14 out. 2018.