Theatrum Mundi

Antônio Vieira e a comédia de Deus

Autores

  • Gil Eduardo de Albuquerque Macedo

Palavras-chave:

Quinto Império, Antônio Vieira, Teatro do Mundo

Resumo

Polêmica e, por vezes, mal compreendida as profecias da História do Futuro, obra escrita pelo jesuíta Antônio Vieira, tratam da emergência do Quinto Império, projeto de teor político-teológico, cujo intuito seria o de alçar Portugal a condição de centro da expansão cristã pelo mundo. Escritas no século XVII, a obra é reveladora dos desejos e anseios de um dos homens mais emblemáticos da cultura ibérica. Nela, o jesuíta fez uso da metáfora “Teatro do Mundo”, espacialidade com a qual representou a vida em sociedade, o tempo e o espaço em um mundo marcado por crises e instabilidades. Ditoisso, o objetivo desse artigo é compreender no processo de construção da metáfora teatral como Antônio Vieira definiu o homem e sua postura diante o mundo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Arquivos adicionais

Publicado

20-12-2014

Como Citar

MACEDO, G. E. de A. Theatrum Mundi: Antônio Vieira e a comédia de Deus. Revista Espacialidades, [S. l.], v. 7, n. 01, p. 239–267, 2014. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/espacialidades/article/view/17698. Acesso em: 26 fev. 2024.