Sob a ordem do progresso

a construção do imaginário social soteropolitano sobre a criminalidade a partir do discurso médico

  • Patrick Moraes Sepúlveda UNEB
Palavras-chave: Medicina, Criminalidade, Nina Rodrigues, Modernização, Salvador

Resumo

O presente artigo tem o intuito de compreender a introdução das teorias antropológicas na cidade do Salvador, em específico, a contribuição do Dr. Nina Rodrigues para a construção do imaginário social entre as décadas finais do século XIX e o início do século XX. Período marcado por mudanças na estrutura social e pela ascensão da classe médica, que sob influência dos vislumbres ideários de progresso alterariam a configuração dos espaços urbanos e consequentemente o cotidiano da população local.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patrick Moraes Sepúlveda, UNEB

É formado em História pela Universidade Católica do Salvador (UCSAL) e mestrando do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), campus II.

Publicado
18-07-2020
Como Citar
SEPÚLVEDA, P. M. Sob a ordem do progresso. Revista Espacialidades, v. 16, n. 2, p. 289-307, 18 jul. 2020.