ESPAÇO E MICRO-HISTÓRIA:

uma relação dialógica

Autores

  • Francisco Wellington Gomes Filho Universidade Estadual do Ceará, Faculdade de Educação, Ciências e Letras do Sertão Central, Mestrado Interdisciplinar de História e Letras - MIHL

DOI:

https://doi.org/10.21680/1984-817X.2023v19n1ID30372

Palavras-chave:

Espaço. Micro-história. Evento.

Resumo

A intenção é traçar um diálogo analítico e metodológico, entre o conceito de espaço e a abordagem micro-histórica com o propósito de desbravar formas de lidar com essa relação. Para isso foi importante discutir o que é o evento histórico e como ele se insere numa perspectiva micro. Desse modo, alinhando o pensamento de diferentes autores pudemos perceber a complexidade que essa relação dialógica pretende ser. Esse estudo caminhou para mapear variações, regularidades, práticas, interações, intencionalidades e simbolizações que encontramos quando se direciona um olhar microanalítico. Com tudo isso, pudemos perceber a importância da dialogia entre espaço e micro-história, justamente, para uma feitura e uma operação histórica que se quer trazendo diferenças em termos de análise e de narrativa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ABÉLÈS, Marc. O racionalismo posto à prova da análise. In: REVEL, Jaques (org.). Jogos de escalas: a experiência da microanálise. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 1998. p. 103-120.

BACHELARD, Gaston. A poética do espaço. In: BACHELARD, Gaston. Col. Os Pensadores. São Paulo: Abril Cultural, 1978. p. 181-354.

BARTH, Fredrik. A análise da cultura nas sociedades complexas. In: BARTH, Fredrik. O guru, o iniciador e outras variações antropológicas. Rio de Janeiro: Contra Capa, 2000. p. 107-139.

BOURDIEU, P. Razões práticas: Sobre a teoria da ação. Campinas, Sp: Papirus, 1996.

CASCUDO, Luís da Câmara. Dicionário do folclore brasileiro. 10ª ed. Rio de Janeiro: Ediouro, 1999.

CERTEAU, Michel de. A Invenção do cotidiano: artes de fazer. 3. ed. Petrópolis: Editora Vozes, 1998.

DE VITO, Christian G. Por uma micro-história translocal (micro-spatial history). In: VENDRAME, Maíra; KARSBURG, Alexandre (org.). Micro-história: um método em transformação. São Paulo, Sp: Letra e Voz, 2020. p. 101-120.

DELUMEAU, Jean. História do medo no Ocidente 1300-1800: uma cidade sitiada. São Paulo: Companhia de bolso, 2009.

DURAND, Gilbert. As estruturas antropológicas do imaginário: introdução a arquetipologia geral. 4. ed. São Paulo: Editora WFM Martins Fontes, 2012.

FREYRE, Gilberto. Assombrações do Recife velho. Rio de Janeiro: Record, 1987.

GADDINS, Jonh Lewis. Paisagens da história: como os historiadores mapeiam o passado. Rio de Janeiro: Campus, 2003.

GEERTZ, Clifford. A interpretação das culturas. 1. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2008. 323 p.

GINZBURG, Carlo. O queijo e os vermes: o cotidiano e as idéias de um moleiro perseguido pela inquisição. São Paulo: Companhia das Letras, 2006.

GINZBURG, Carlo. Os andarilhos do bem: feitiçarias e cultos agrários nos séculos XVI e XVII. Editora Companhia das Letras, 1988.

KOSELLECK, Reinhart. Estratos do tempo: Estudos sobre História. 1. ed. Rio de Janeiro: Contraponto Editora, 2014.

LEVI, Giovanne. Sobre a micro-história. In: BURKE, Peter (org.). A Escrita da história: novas perspectivas. São Paulo: Editora da Universidade Estadual Paulista, 1992.

REVEL, Jaques. Microanálise e construção social. In: REVEL, Jaques (org.). Jogos de escalas: a experiência da microanálise. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 1998.

TUAN, Yi-Fu. Espaço e lugar: A perspectiva da experiência. São Paulo: DIFEL, 1983.

VEYNE, Paul. Como se escreve a história; Foucault revoluciona a história. Brasília: Universidade de Brasília, 1998.

WERNER, Michael e ZIMMERMANN, Bénédicte. Pensar a história cruzada: entre a empiria e a re-flexividade. In: Textos de História, vol. 11, n° 1/ 2, 2003. p. 89-127.

Downloads

Publicado

16-06-2023

Como Citar

GOMES FILHO, F. W. ESPAÇO E MICRO-HISTÓRIA:: uma relação dialógica. Revista Espacialidades, [S. l.], v. 19, n. 1, p. 51–73, 2023. DOI: 10.21680/1984-817X.2023v19n1ID30372. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/espacialidades/article/view/30372. Acesso em: 1 mar. 2024.

Edição

Seção

Seção livre