O infinito e a incompreensibilidade na concepção pascaliana de história

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21680/1983-2109.2022v29n58ID22056

Palavras-chave:

História, Incompreensibilidade, Infinito, Pascal

Resumo

Concebida como um conjunto de circunstâncias incomensuráveis à faculdade racional do homem, mas singularizadas no Jesus encarnado, a concepção pascaliana de história estaria articulada às concepções teológicas de graça e pecado original, bem como às concepções antropológicas de razão e natureza humanas. Nesse contexto, o caráter finito e limitado do conhecimento humano, seriam decorrentes da infinitude da divindade e, portanto, um dado intrínseco e inescapável da Criação. Sendo assim, o presente artigo pretende explicitar a relevância da temática histórica no pensamento de Blaise Pascal ao estabelecer o vínculo entre tal temática e concepções centrais do filósofo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

PASCAL, Blaise. Pensamentos. Trad. de Mário Laranjeira. São Paulo: Martins Fontes, 2005.

PASCAL, Blaise. Do espírito geométrico e da arte de persuadir e outros escritos de ciência, política e fé. Trad. de Fábio Fortes. Belo Horizonte: Autêntica, 2017.

PASCAL, Blaise. “Prefácio ao Tratado do vácuo”, in: Cadernos Espinosanos, n. 40, jan-jun. 2019, pp. 207-227.

CORTESE, João F. N. “‘Um nada em relação ao infinito’: o aniquilamento na comparação pascaliana”, in: Cadernos Espinosanos, n. 40, jan-jun. 2019, pp. 35-64.

GOLDMANN, Lucien. Le dieu caché: étude sur la vision tragique dans les Pensées de Pascal et dans le théâtre de Racine. Paris: Gallimard, 1955.

HARRINGTON, Thomas More. Vérité et méthode dans les “Pensées” de Pascal. Paris: J. Vrin, 1972.

LEBRUN, Gérard. Blaise pascal. São Paulo: Brasiliense, 1983.

OLIVA, Luís César Guimarães. As marcas do sacrifício: um estudo sobre a possibilidade da história em Pascal. São Paulo: Associação Editorial Humanitas, 2004.

OLIVA, Luís César Guimarães. “A noção de graça em Blaise Pascal”, in: Cadernos Espinosanos, n. 26, jun. 2015, pp. 25-45.

ROSSI, Paolo. Os sinais do tempo: história da Terra e história das nações de Hooke a Vico. Trad. de Julia Mainardi. São Paulo: Companhia das Letras, 1992.

Downloads

Publicado

28-02-2022

Como Citar

ZANINETTI, P. O infinito e a incompreensibilidade na concepção pascaliana de história. Princípios: Revista de Filosofia (UFRN), [S. l.], v. 29, n. 58, p. 9–23, 2022. DOI: 10.21680/1983-2109.2022v29n58ID22056. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/principios/article/view/22056. Acesso em: 8 ago. 2022.