DESCONTINUIDADE DE EMPRESAS BRASILEIRAS DO SETOR DE CONSUMO CÍCLICO: UM ESTUDO COM DADOS CONTÁBEIS UTILIZANDO TÉCNICAS DE DATA MINING

  • Rui Américo Mathiasi Horta UFJF
  • Carlos Cristiano Hasenclever Borges Universidade Federal de Juiz de Fora/Depto Ciência da Computação.
  • Marcelino José Jorge Instituto de Pesquisa Clínica Evandro Chagas – IPEC/FIOCRUZ.

Resumo

Descontinuidade de empresas é um tema que cada vez mais vem sendo estudado no campo da contabilidade e finanças devido ao considerável número de partes do tecido social afetadas pelo fracasso corporativo de uma entidade. Bancos, investidores, governos, auditores, gerentes, fornecedores, empregados e muitos outros têm grandes interesses na acurácia da previsão de insolvência de uma companhia. No Brasil os estudos sobre o tema ainda sofrem o efeito de estarem disponíveis apenas em bases de dados com dimensões reduzidas, quase sempre devido à qualidade dos dados. Mas há questões pouco estudadas na modelagem de previsão de insolvência. O desequilíbrio ou desbalanceamento dos dados sobre insolvência é uma dessas questões, em ambientes econômicos típicos o número de empresas classificadas como solventes é bem maior do que o daquelas classificadas como insolventes. O objetivo deste estudo é propor um novo procedimento para balanceamento da base de dados em problemas de previsão de insolvência com (etapa de) seleção de atributos. Foi então construída uma estratégia de data mining com a dupla virtude de selecionar atributos e de resolver o problema do desequilíbrio. A base de dados foi originada de demonstrativos contábeis de empresas brasileiras do setor econômico de consumo cíclico, listadas na BOVESPA entre os anos de 1996 e 2011. Os resultados obtidos e as validações realizadas evidenciam o sucesso da estratégia proposta, melhorando a capacidade do modelo de previsão na classificação das empresas pertencentes à classe das insolventes e, assim consolidando-a como bastante competitiva com outras estratégias apresentadas na literatura específica. Dada a natureza do exercício empírico, fica evidente que a vantagem do novo procedimento não depende do setor estudado.

Palavras-chave: Descontinuidade de empresas. Seleção de variáveis contábeis. Balanceamento de base de dados. Data mining. Setor de consumo cíclico – Brasil.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rui Américo Mathiasi Horta, UFJF
Possui graduaçáo em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1992), graduaçáo em Ciências Contábeis pela Faculdade de Ciências Administrativas e Contábeis Machado Sobrinho (1985), especializações em engenharia econômica e auditoria, mestrado em Ciências Contábeis pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2001) e doutorado em Engenharia Civil (CAPES 7) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2010). Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal de Juiz de Fora. Tem experiência na área de Administraçáo, Ciências Contábeis e Mineraçáo de Dados, com ênfase em análise, gestáo de risco, tomada de decisáo e previsáo de insolvência. Atuando principalmente nos seguintes temas: controladoria; data mining; desenvolvimento e aplicaçáo de técnicas de data mining em controladoria e finanças.
Publicado
06-01-2014
Como Citar
HORTA, R. A. M.; BORGES, C. C. H.; JORGE, M. J. DESCONTINUIDADE DE EMPRESAS BRASILEIRAS DO SETOR DE CONSUMO CÍCLICO: UM ESTUDO COM DADOS CONTÁBEIS UTILIZANDO TÉCNICAS DE DATA MINING. REVISTA AMBIENTE CONTÁBIL - Universidade Federal do Rio Grande do Norte - ISSN 2176-9036, v. 6, n. 1, p. 99-121, 6 jan. 2014.
Seção
ARTIGOS