Papel das feiras científicas como ferramenta para iniciação e educação científica na educação básica

Autores

  • Antônio Rony da Silva Pereira Rodrigues Universidade Estadual do Ceará

Palavras-chave:

Educação científica.; Feira de ciência; Iniciação científica.

Resumo

O desenvolvimento científico se torna cada vez mais importante para a sociedade, e deve ser incentivado desde a educação básica, para que os estudantes cresçam com a capacidade de pensar criticamente sobre as múltiplas questões do dia a dia. Uma alternativa para despertar a importância da iniciação e educação científica desde a educação básica é as feiras de ciências. Dessa forma o presente estudo buscou pesquisar na literatura sobre como as feiras científicas podem auxiliar no desenvolvimento científico na educação básica. Optou-se por realizar uma revisão integrativa de literatura. Foi possível observar que as feiras de ciências preparam os estudantes para pensar de forma mais autônoma, critica e criativa sobre o processo de construção dos conhecimentos, nas múltiplas áreas das ciências, além de desenvolver habilidades de buscar, organizar, analisar e expor resultados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Antônio Rony da Silva Pereira Rodrigues, Universidade Estadual do Ceará

Graduando em Licenciatura em Química pela Universidade Estadual do Ceará.

Bolsista PROMAC/UECE/FUNCAP nas disciplinas de Introdução a Química e Química Inorgânica I.

Referências

ADAMS, Fernanda Welter et al. Feira de Ciências: Formando para a Cidadania. Revista Extensão & Cidadania, v. 8, n. 13, p. 85-104, 2020.

ADAMS, Fernanda Welter; ALVES, Scarlet Dandara Borges; NUNES, Simara Maria Tavares. A CONSTRUÇÃO DE CONHECIMENTO CIENTÍFICOS E CRÍTICOS A PARTIR DE FEIRAS DE CIÊNCIAS. Ensino, Saúde e Ambiente, v. 13, n. 1, 2020.

CANDITO, Vanessa; MENEZES, Karla Mendonça; RODRIGUES, Carolina Braz Carlan. Feira de ciências: uma possibilidade para a educação e divulgação científica. # Tear: Revista de Educação, Ciência e Tecnologia, v. 10, n. 2, 2021.

CAVALCANTE, Cristhiano Arlei G. et al. Educação ambiental: Em busca de uma sociedade sustentável. Revista De Casos E Consultoria, v. 4, n. 2, p. e421-e421, 2013.

COSTA, Luzinete Duarte; MELLO, Geison Jader; ROEHRS, Marfa Magali. Feira de Ciências: aproximando estudantes da educação básica da pesquisa de iniciação científica. Ensino em Revista, v. 26, n. 2, p. 504-523, 2019.

COSTA, Luzinete Duarte; MELLO, Geison Jader; ROEHRS, Marfa Magali. Feira de Ciências: aproximando estudantes da educação básica da pesquisa de iniciação científica. Ensino em Revista, v. 26, n. 2, p. 504-523, 2019.

CRUZ, Fernando Muniz; BONFANTE, Andreia Gentil. TideneTextVis: um módulo Python de visualização de textos baseado nas técnicas de tag clouds. Anais da Escola Regional de Informática da Sociedade Brasileira de Computação (SBC)–Regional de Mato Grosso, v. 7, 2016.

DA CONCEIÇÃO, Josefa Silva; VIEIRA, Giane Bezerra. Do significado da leitura a leitura significativa: um estudo sobre concepções e práticas de professoras da educação infantil de Cruzêta/RN. Revista de Casos e Consultoria, v. 2, n. 2, p. e222-e222, 2011.

DA SILVA GALLON, Mônica et al. Feiras de Ciências: uma possibilidade à divulgação e comunicação científica no contexto da educação básica. Revista Insignare Scientia, 2019.

DA SILVEIRA, Adriele Prestes; DA SILVEIRA, Dieison Prestes; ROCHA, Jaqueline Rodrigues. AS FEIRAS DE CIÊNCIAS À LUZ DA ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA COM ESCOLARES. Revista Ilustração, v. 3, n. 2, p. 93-100, 2022.

DE OLIVEIRA VIDAL, Esp Irla et al. A iniciação científica na educação profissional e tecnológica: caminhos para uma formação emancipadora. # Tear: Revista de Educação, Ciência e Tecnologia, v. 11, n. 2, 2022.

DE OLIVEIRA, Fátima Peres Zago; CIVIERO, Paula Andrea Grawieski; BAZZO, Walter Antonio. A Iniciação Científica na formação dos estudantes do Ensino Médio. Debates em educação, v. 11, n. 24, p. 453-473, 2019.

DE QUEIROZ, Stella Freitas; LIRA, Fabrício Lúcio Cansanção; TONHOLO, Josealdo. Feira de Ciências no contexto da educação básica: tradição e inovação. Encontro Internacional de Formação de Professores e Fórum Permanente de Inovação Educacional, v. 10, n. 10, 2017.

DOMINGUES, Edina; MACIEL, Maria Delourdes. Feira de ciências: o despertar para o ensino e aprendizagem. Revista de Educação, v. 14, n. 18, 2011.

DOS REIS, Esterline Félix et al. A importância da Feira Estadual de Ciências para a Divulgação Científica em Roraima. Revista Insignare Scientia-RIS, v. 3, n. 2, p. 206-219, 2020.

HARTMANN, Angela M.; ZIMMERMANN, Erika. Feira de ciências: a interdisciplinaridade e a contextualização em produções de estudantes de ensino médio. VII Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, 2009.

HAUGERUD, Angelique. Editor's foreword: AE's keywords by decade. American Ethnologist, p. 1-5, 2013.

LIMA, Maria Leidiana Oliveira. Feira de ciências: interdisciplinaridade no ensino de biologia para o ensino médio. Dissertação (Mestrado em ensino de Ciências de Matemática) – Centro de Ciências, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2019.

MELNYK, Bernadette Mazurek et al. Evidence-based practice: step by step: the seven steps of evidence-based practice. AJN The American Journal of Nursing, v. 110, n. 1, p. 51-53, 2010.

NOGUEIRA, Leonardo Cipriano; FERREIRA, Gecilane; DE SOUSA, Nilciane Pinto Ribeiro. FEIRA DE CIÊNCIAS DO ESTADO DO TOCANTINS: CONTRIBUIÇÕES PARA A EDUCAÇÃO CIENTÍFICA. REAMEC–Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, v. 9, n. 2, 2021.

OAIGEN, Edson Roberto; BERNARD, Tania; SOUZA, Claudia Alves. Avaliação do evento feiras de ciências: aspectos científicos, educacionais, socioculturais e ambientais. Revista Destaques Acadêmicos, v. 5, n. 5, 2013.

OLIVEIRA, Victor Hugo Nedel; VASQUES, Daniel Giordani. A construção do estado do conhecimento sobre iniciação científica na educação básica. Revista e-Curriculum, v. 19, n. 3, p. 1240-1262, 2021.

OVIGLI, Daniel Fernando Bovolenta. Iniciação científica na educação básica: uma atividade mais do que necessária. Revista Brasileira de Iniciação Científica, v. 1, n. 1, p. 78-90, 2014.

PEREIRA, Alexandre Barbosa. Férias de Ciências. Antonio Batista Pereira. Edson Roberto Oiagen, Georg. J. Hennig. Canoas. Ed. ULBRA, 2000.

PEREIRA, Bruna Andrieli Ilha. Indicadores da alfabetização científica como parâmetro para o desenvolvimento de trabalhos em feiras de ciências. Dissertação (Mestrado) – Programa de Pós-Graduação Mestrado Acadêmico em Ensino – Universidade Federal do Pampa, Campus Bagé, Bagé, 2019.

PEREIRA, G. R.; ALVES, G. H. V. S.; COUTINHO-SILVA, R. Science Education in the early years of Elementary Education through the Science Fair for Little Scientists. Research, Society and Development, v. 9, n. 7, p. 990975140, 2020.

ROCHA, Letícia Sales et al. FEIRA DE CIÊNCIAS: UMA EXPERIÊNCIA CONSTRUTIVA PARA O CONHECIMENTO. In: 9ª JICE-JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E EXTENSÃO. 2018.

STILLWELL, Susan B. et al. Evidence-based practice, step by step: asking the clinical question: a key step in evidence-based practice. AJN The American Journal of Nursing, v. 110, n. 3, p. 58-61, 2010.

STRIEDER, Roseline Beatriz; WATANABE, Graciella. Atividades investigativas na educação científica: dimensões e perspectivas em diálogos com o ENCI. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, p. 819-849, 2018.

TEIXEIRA, Janete et al. A FEIRA DE CIÊNCIAS COMO CONTEXTO À ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICA. Anais do Salão Internacional de Ensino, Pesquisa e Extensão, v. 11, n. 2, 2019.

WHITTEMORE, Robin; KNAFL, Kathleen. The integrative review: updated methodology. Journal of advanced nursing, v. 52, n. 5, p. 546-553, 2005.

Downloads

Publicado

23-06-2023

Como Citar

RODRIGUES, A. R. da S. P. Papel das feiras científicas como ferramenta para iniciação e educação científica na educação básica. Revista de Casos e Consultoria, [S. l.], v. 14, n. 1, p. e31417, 2023. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/casoseconsultoria/article/view/31417. Acesso em: 13 abr. 2024.

Edição

Seção

Ciências Educacionais, Humanas e Sociais