Atuação de processos sociointeracionais e projeções conceptuais na extensão semântica de nomes deverbais em –nte

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21680/1983-2435.2022v7nEspecialID27548

Palavras-chave:

Nomes deverbais em –nte, Processos sociointeracionais, Projeções conceptuais, Linguística Funcional Centrada no Uso, Gramática de Construções

Resumo

Neste artigo, analisamos o uso de nomes deverbais em –nte. Discutimos a emergência e rotinização de sentidos dos nomes deverbais em –nte mediante a atuação de processos sociointeracionais e das projeções conceptuais metafóricas e metonímicas. O nosso arcabouço teórico é o da Linguística Funcional Centrada no Uso (LFCU), alinhado à perspectiva da Gramática de Construções. Os dados são de amostras do português escrito no período compreendido entre os séculos XIII e XX, provenientes de três corpora históricos. As análises mostram que nomes em –nte podem carrear sentidos que não são previstos pela semântica da base verbal, mas são resultantes da negociação intersubjetiva de sentidos pelos falantes. As projeções conceptuais também são importantes mecanismos de extensão semântica porque permitem, pelo mapeamento entre noções do mesmo domínio cognitivo ou de domínios cognitivos diferentes, promover novos sentidos para os nomes em –nte.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernando da Silva Cordeiro, Universidade Federal Rural do Semiárido (UFERSA)

Doutor em Estudos da Linguagem pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Professor de Linguística e Língua Portuguesa da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA).

Downloads

Publicado

06-04-2022

Como Citar

CORDEIRO, F. da S. Atuação de processos sociointeracionais e projeções conceptuais na extensão semântica de nomes deverbais em –nte. Revista Odisseia, [S. l.], v. 7, n. Especial, p. 109–130, 2022. DOI: 10.21680/1983-2435.2022v7nEspecialID27548. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/odisseia/article/view/27548. Acesso em: 1 jul. 2022.