BISCOITO ADICIONADO DE FARINHA DE BAGAÇO DE MAÇÃ: CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA E SENSORIAL

  • Camila Pereira Dourado Nutricionista, formada pela Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO), Guarapuava, PR.
  • Patricia Tozatti Acadêmica do curso de Engenharia de Alimentos da Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO), Guarapuava, PR.
  • Julhyene Stoski Nutricionista, formada pela Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO), Guarapuava, PR.
  • Dianessa Côgo de Freitas Nutricionista, formada pela Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO), Guarapuava, PR.
  • Daiana Novello Universidade Estadual do Centro-Oeste do Paraná – UNICENTRO
  • José Raniere Mazile Vidal Bezerra Doutor, Professor Associado do Curso de Engenharia de Alimentos, da Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO), Guarapuava, PR.

Resumo

Visto que a maioria da população não consome a quantidade diária adequada de fibras, diversos produtos, como os biscoitos, poderiam ser utilizados para melhorar o aporte nutricional da população em geral, através da adição de novos ingredientes. Diante disso, o objetivo desse estudo foi elaborar biscoitos com adição de farinha de bagaço de maçã e verificar sua aceitabilidade sensorial e composição química teórica. Foram elaborados três tipos de biscoitos, sendo um padrão (F1 - 0%) e os demais contendo 8,5% (F2) e 14,2% (F3) de farinha de bagaço de maçã. Não houve diferença estatística nos atributos avaliados de aparência, aroma, sabor e cor para as três formulações. A adição de 8,5 e 14,2% de farinha de bagaço de maçã elevou os teores de cinzas, carboidratos, calorias e fibras, entretanto reduziram os conteúdos de proteínas e umidade. As amostras F2 e F3 apresentaram maiores teores de fibra alimentar (5,47 g e 7,80 g, respectivamente) que F1 (2,01 g). Sendo assim, a farinha de bagaço de maçã pode ser considerada um ingrediente em potencial para ser utilizada em biscoitos e similares, podendo ser oferecidos aos consumidores com ampla expectativa de aceitação no mercado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daiana Novello, Universidade Estadual do Centro-Oeste do Paraná – UNICENTRO
Professora Doutora, Setor de Ciências da Saúde, Curso de Nutrição, Universidade Estadual do Centro-Oeste do Paraná – UNICENTRO

Referências

BARBOSA, M.C.A. Avaliação tecnológica de massas alimentícias de farinha mista de trigo e soja sem lipoxigenases. Minas Gerais, 2002. Tese de doutorado-Universidade Federal de Viçosa.

BORGES, S.V.; BONILHA, C.C.; MANCINI, M.C. Sementes de jaca (artocapus integrifólia) e de abóbora (curcubita moschata) desidratadas em diferentes temperaturas e utilizadas como ingredientes em biscoitos tipo cookie. Alimentos e Nutrição, v.17, n.3, p.317-321, 2006.

BRASIL. ANVISA – Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Portaria nº 27 de 13/01/1998 – Regulamento Técnico Referente à Informação Nutricional Complementar. Disponível em: http://www.cidasc.sc.gov.br/inspecao/files/2012/08/ portaria-27_1998.pdf. Acesso em: 05 de dezembro de 2013.

COELHO, L.M; WOSIACKI, G. Avaliação sensorial de produtos panificados com adição de farinha de bagaço de maçã. Ciência e Tecnologia de Alimentos, v.30, n.3, p.582-588, 2010.

CÓRDOVA, K.R.V. Desidratação osmótica e secagem convectiva de maçã Fuji comercial e industrial. Curitiba, 2006. Dissertação de mestrado-Universidade Federal do Paraná, 2006.

DIETARY REFERENCE INTAKES (DRI). Dietary Reference Intakes for energy, carbohydrate, fiber, fat, fatty acids, cholesterol, protein and amino acids. Washington: The National Academies Press, 2005. 1331p.

DUTCOSKY, S.D. Análise sensorial de alimentos. 3. ed. Curitiba: Champagnat, 2011. 427p.

EMBRAPA - Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Produção Integrada de Maçãs no Brasil. Disponível em: http://sistemasdeproducao.cnptia.embrapa.br/ FontesHTML/Maca/ProducaoIntegradaMaca/ Acesso em: 01 de fevereiro de 2011.

FASOLIN, L.H.; ALMEIDA, G.C.; CASTANHO, P.S.; NETTO-OLIVEIRA, E.R. Biscoitos produzidos com farinha de banana: avaliações química, física e sensorial. Ciência e Tecnologia de Alimentos, v.27, n.3, p.524-529, 2007.

GARAU, M.C.; SIMAL, S.; ROSSELLO, C.; FEMENIA, A. Effect of air-drying temperature on physico-chemical properties of dietary fibre and antioxidant capacity of orange (Citrus aurantium v. Canoneta) by-products. Food Chemistry, v.104, n.3, p.1014-1024, 2007.

KOHAJDOVÁ, Z.; KAROVICOVÁ, J.; JURASOVÁ, M.; KUKUROVÁ, K. Effect of the addition of commercial apple fibre powder on the baking and sensory properties of cookies. Acta Chimica Slovaca, v.4, n.2, p.88-97, 2011.

MATIAS, M.F.; OLIVEIRA, E.L.; GERTRUDES, E.; MAGALHÃES, M.M.A. Use of Fibres Obtained from the Cashew (Anacardium ocidentale, L) and Guava (Psidium guayava) Fruits for Enrichment of Food Products. Brazilian Archives of Biology and Technology, v.48, n., p.143-150, 2005.

MONTEIRO, C.L.B. Técnicas de avaliação sensorial. 2 ed. Curitiba: CEPPA-UFPR, 1984. 101p.

MORETTO, E; FETT, R. Processamento e Análise de Biscoitos. São Paulo: Varela, 1999. 97p.

MOURA, S.C.S.R.; BERBARI, S.A.; GERMER, S.P.M.; ALMEIDA, M.E.M.; FEFIM, D.A. Determinação de vida-de-prateleira de maçã-passa por testes acelerados. Ciência e Tecnologia de Alimentos, v.27, n.1, p.141-148, 2007.

PROTZEK, E.C.; FREITAS, R.J.S.; WASCZYNSKJ, N. Aproveitamento do bagaço de maçã na elaboração de biscoitos ricos em fibra alimentar. Boletim do CEPPA, v.16, n. 2, p.263-275, 1998a.

PROTZEK, E.C.; FREITAS, R.J.S.; WASCZYNSKJ, N. Incorporação de fibra do bagaço de maçã em pães de forma. In: LAJOLO, F.M.; MENEZES, E.W. (Ed.). Temas en tecnología de alimentos. México: IPN, 1998b. p. 245-257.

SAYDELLES, B.M.; OLIVEIRA, V.R.; VIEIRA, V.B.; MARQUES, C.T.; ROSA, C.S. Elaboração e análise sensorial de biscoito recheado enriquecido com fibras e com menor teor de gordura. Ciência Rural, v.40, n.3, p.644-647, 2010.

SUDHA, M.L.; BASKARAN, V.; LEELAVATHI, K. Apple pomace as a source of dietary fiber and polyphenols and its effect on the rheological characteristics and cake making. Food Chemistry,v.104, p.686–692, 2007.

TACO- Tabela Brasileira de Composição dos Alimentos. 4ª ed. Revisada e ampliada. Campinas, SP: NEPA, 2011. 161p.

VASQUES, A.R.; BERTOLI, S.L.; VALLE, R.C.S.C.; VALLE, J.A.B. Avaliação sensorial e determinação de vida-de-prateleira de maçãs desidratadas. Ciência e Tecnologia de Alimentos, v.26, n.4, p.759-765, 2006.

VIEIRA, C.F.S.; MARTINS, G.A.S.; BORGES, S.V.; CARNEIRO, J.D.S.; REGES, I.S. Utilização de farinha de casca de maracujá amarelo em bolo. Enciclopédia biosfera, v.6, n.11, p.1-10, 2010.

Publicado
04-04-2014
Como Citar
Dourado, C. P., Tozatti, P., Stoski, J., Freitas, D. C. de, Novello, D., & Bezerra, J. R. M. V. (2014). BISCOITO ADICIONADO DE FARINHA DE BAGAÇO DE MAÇÃ: CARACTERIZAÇÃO QUÍMICA E SENSORIAL. Revista Brasileira De Inovação Tecnológica Em Saúde - ISSN:2236-1103, 4(1). https://doi.org/10.18816/r-bits.v4i1.4887
Seção
Artigos Originais