MACEIÓ EM FOCO: IMPRESSÕES SOBRE IMAGENS E O IMAGINÁRIO DE UMA CIDADE

Autores

  • Paula Rangel Discente em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Alagoas. Colaboradora do Programa de Educação Tutorial.
  • Hedhyliana Melo Discente em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Alagoas. Bolsista do Programa de Educação Tutorial.
  • Alexandra Freitas Discente em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Alagoas. Bolsista do Programa de Educação Tutorial.
  • Maria Luísa Machado Discente em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Alagoas. Bolsista do Programa de Educação Tutorial.
  • Mayara Paula Discente em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Alagoas. Bolsista do Programa de Educação Tutorial.
  • Álvaro Morais Discente em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Alagoas. Bolsista do Programa de Educação Tutorial.
  • Francisco Neto Discente em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Alagoas. Bolsista do Programa de Educação Tutorial.
  • Maya Araújo Discente em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Alagoas. Bolsista do Programa de Educação Tutorial.
  • Jéssica Leite Discente em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Alagoas. Bolsista do Programa de Educação Tutorial.
  • Danielle Santos Discente em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Alagoas. Bolsista do Programa de Educação Tutorial.
  • Sara Silva Discente em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Alagoas. Bolsista do Programa de Educação Tutorial.
  • Dayanna Barbosa Discente em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Alagoas. Bolsista do Programa de Educação Tutorial.
  • Roseline Oliveira Doutora em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal da Bahia/Universidade do Algarve (Portugal). Professora da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da UFAL e do Mestrado em Dinâmicas do Espaço Habitado. Líder do Grupo de Pesquisa Estudos da Paisagem e tutora do Programa de Educação Tutorial.

DOI:

https://doi.org/10.21680/2448-296X.2016v1n3ID16614

Palavras-chave:

Maceió, contemporaneidade, fotografias.

Resumo

“Terra de gente quase anfíbia”. Assim Gilberto Freyre descreveu Alagoas. “O que tapa o alagadiço” é o significado toponímico da palavra Maceió. Em registros textuais e iconográficos dessa cidade produzidos durante o século XX, a exemplo dos de Lúcio Costa e os de Mário de Andrade, as suas massas de água urbana aparecem com certa recorrência. Tal enfoque desses registros historiográficos motivou a elaboração deste artigo que versa sobre a imagem da cidade de Maceió no contexto da contemporaneidade. Consiste nos resultados da uma investigação, realizada pelos integrantes do Programa de Educação Tutorial do curso de Arquitetura e Urbanismo da Ufal, que trata de um conjunto de fotografias elaboradas por estudantes universitários no ano de 2014 motivadas pelo seguinte questionamento:  como você vê Maceió? Cerca de 400 imagens foram analisadas sob um olhar construído a partir da leitura das próprias imagens enquanto representação gráfica de uma forma de perceber o mundo físico. Observando os elementos compositivos e as composições das imagens, assim como indagando sobre seus aspectos subjetivos, notou-se que a maioria das cenas retratadas corresponde a trechos da orla marítima da cidade, onde o mar aparece com relativa força pictórica ocupando grande parte da área do enquadramento fotográfico. Portanto, as imagens recentes da cidade continuam a representar um interesse pela paisagem natural de Maceió, que parece ter sempre “chamado a atenção”, como registrou Mário de Andrade nos anos de 1920, demonstrando uma força paisagística consolidada no e pelo imaginário dos que habitam a cidade até os dias de hoje.  

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

04-10-2017

Como Citar

RANGEL, P.; MELO, H.; FREITAS, A.; MACHADO, M. L.; PAULA, M.; MORAIS, Álvaro; NETO, F.; ARAÚJO, M.; LEITE, J.; SANTOS, D.; SILVA, S.; BARBOSA, D.; OLIVEIRA, R. MACEIÓ EM FOCO: IMPRESSÕES SOBRE IMAGENS E O IMAGINÁRIO DE UMA CIDADE. Revista Projetar - Projeto e Percepção do Ambiente, [S. l.], v. 1, n. 3, p. 167–138, 2017. DOI: 10.21680/2448-296X.2016v1n3ID16614. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/revprojetar/article/view/16614. Acesso em: 1 out. 2022.

Edição

Seção

PESQUISA