Esta é uma versão desatualizada publicada em 07-08-2022. Leia a versão mais recente.

Pathosformeln astrológicas em Aby Warburg: palavras e imagens de orientação cósmica

Autores

DOI:

https://doi.org/10.36025/arj.v9i1.29653

Palavras-chave:

Aby Warburg, História da Arte, Fontes históricas, Iconografia, Astrologia

Resumo

O artigo aborda os conceitos de imagem, arte e Pathosformel nos estudos de Aby Warburg, com especial atenção ao tema astrológico, aqui compreendido enquanto expressões de “orientação cósmica figurativa”, que integram as memórias imagéticas coletivas. Acordamos que Warburg aderiu ao problema das fontes figurativas como testemunhos do homem na história, tendo o tema dos astros como presença constante e essencialmente útil para o esboço de sua proposta científico-cultural (Kulturwissenschaft). Investigando “o desenvolvimento do elemento cosmológico”, Warburg subsidia-se por “uma ciência de orientação em forma de imagens” e alude a criação de “uma nova história da arte científico-cultural”. Considerando que obras de arte refletem a vida histórica, ele também as compreendia como “instrumentos de orientação no cosmos celeste”, e aprofundou-se na relação do homem com o mundo-tempo-espaço, detectando “tensões polares” destas lutas cósmicas, entre liberdade e necessidade, entre cálculo e culto, lógica e mito, ou entre Atenas e Alexandria.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Priscila Risi Pereira Barreto, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)

Bacharel, mestre e doutoranda em História da Arte pela Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP. Pesquisadora acerca dos temas: Aby Warburg, Teoria e Historiografia da Arte, Memória e Patrimônio Cultural na América. Bolsista pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP.

Referências

BARRETO, Priscila Risi Pereira. Imagem, arte e Pathosformel Em Aby Warburg. Revista Hydra: Revista Discente De História da UNIFESP, [S.I.], v. 3, n. 6, p. 83-113, 1 ago. 2019. Disponível em:

<https://periodicos.unifesp.br/index.php/hydra/article/view/9590>. Acesso em 14 dez. 2019.

BING, Gertrud. Prefácio à edição de 1932. In: WARBURG, Aby. O legado do antigo. Escritos inéditos. Campinas, SP: Ed. UNICAMP, 2018. v. 1, p.xli-xlvii.

BOLL, Franz. Sphaera: neue griechische Texte und Untersuchungen zur Geschichte der Sternbilder. Leipzig, 1903. Disponível em: https://digi.ub.uni-heidelberg.de/diglit/boll1903/0687. Acesso em 07 dez. 2019.

CASSIRER, Ernst. A filosofia das formas simbólicas: o pensamento mítico. São Paulo: Martins Fontes, 2004, v. 2.

CASSIRER, Ernst. Epitáfio a Aby Warburg (1829). In: FRAGELLI, Isabel Coelho. Epitáfio a Aby Warburg (1829) – (Ernst Cassirer). Discurso, v. 46, n. 1, p. 271-282, 16 ago. 2016. Disponível em https://www.revistas.usp.br/discurso/article/view/119172. Acesso em 07 dez. 2019.

CENTANNI, Monica; BORDIGNON, Giulia; DE LAUDE, Silvia; SACCO, Daniela. Trad. THOMSON, Elizabeth. Sons of Mars and the heirs of Prometheus – the conquest of the heavens: war and technology An interpretative essay on Plate C of the Mnemosyne Atlas. La Rivista di Engramma, n. 144, aprile 2017. Disponível em: <http://www.engramma.it/eOS/index.php?id_articolo=%203137> Acesso em: 14 jul. 2019.

FERNANDES, Cássio da Silva. O legado antigo entre transferências e migrações. Revista Topoi (Rio J.), Rio de Janeiro, v. 15, n. 28, p. 338-346, jan./jun. 2014. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/topoi/v15n28/1518-3319-topoi-15-28-00338.pdf> Acesso em 15 set. 2016.

FERNANDES, Cássio da Silva, Et al. (orgs.) Aby Warburg e o problema da mudança do estilo na arte do Renascimento. Revista Figura: Studies on the Classical Tradition, v. 5, n. 1, p. 71-102, 2017.

FERNANDES, Cássio da Silva. Introdução. In: WARBURG, Aby. O legado do antigo. Escritos inéditos. Campinas, SP: Ed. UNICAMP, 2018. v. 1, p. 6-22.

GARIN, Eugenio. O Zodíaco da vida. A polêmica sobre a astrologia do século XIV ao século XVI. Imprensa Universitária, Editorial Estampa, Lisboa, 1988.

GINZBURG, Carlo. Mitos, emblemas, Sinais. Morfología e História. Companhia das Letras, 2ª ed., 2007.

GINZBURG, Carlo. Medo, reverência, terror: quatros ensaios de iconografia política. São Paulo: Companhia das Letras, 2014.

GOMBRICH, Ernst Hans Josef. Aby Warburg. Una biografia intelectual. Madrid: Alianza, 1992.

GUERREIRO, Antonio. Aby Warburg e a História como memória. Revista de História das Ideias. História e Verdade(s). Coimbra, 2002, v. 23, pp. 389-407. Disponível em <https://digitalis-dsp.uc.pt/bitstream/10316.2/41705/1/Aby_Warburg_e_a_historia_como_memoria.pdf.> Acesso em 29 ago.2018.

JOHNSON, Christopher. (Cornell project lead). Mnemosyne. Meanderings through Aby Warburg’s Atlas. Cornell University. Disponível em: <https://warburg.library.cornell.edu/> Acesso em: 15 out. 2018.

LUDUEÑA ROMANDINI, Fabián. A ascensão de Atlas. Glosas sobre Aby Warburg. Florianópolis: Cultura e Barbárie, 2017.

MAHÍQUES, Rafael García. Aby Warburg y la imagen astrológica. Los inicios de la Iconología. Millars: Espai i Historia, [S.I.], n. 19, p. 67-90, 1996. Disponível em: <http://www.e-revistes.uji.es/index.php/millars/article/view/3024>. Acesso em 07 dez.2019.

SALAZAR, Mauricio Oviedo. Per Monstra ad Sphaeram: la función del arte de la estampa en la concepción de Aby Warburg respecto del proceso de liberación astrológica, en la época del Renacimiento y la Reforma. Revista de Filosofía de la Universidad de Costa Rica, v. 56, n. 146, p.7-272, 2017.

SAXL, Fritz. A história da Biblioteca Warburg – 1866-1944. In: WARBURG, Aby. O legado do antigo. Escritos inéditos. Campinas, SP: Ed. UNICAMP, 2018. v. 1, p. 233-254.

SCARSO, Davide. Fórmulas e arquétipos, Aby Warburg e Carl Jung.2006. Disponível em: <http://www.educ.fc.ul.pt/hyper/resources/dscarso>. Acesso em: 16 mar. 2018.

THE WARBURG-HAUS. The Kulturwissenschaftliche Bibliothek Warburg. Disponível em: <http://www.warburg-haus.de/en/the-kulturwissenschaftliche-bibliothek-warburg/>. Acesso em 15 out. 2018.

THE WARBURG INSTITUTE. Iconographic Database. Disponível em: <https://iconographic.warburg.sas.ac.uk/vpc/VPC_search/main_page.php>. Acesso em: 15 out. 2018.

URBINI, Silvia. Abracadabra Una lettura di tavola 23a di Mnemosyne. 2011. La Rivista di Engramma. ISSN 1826-901X n. 92, agosto 2011. Disponível em: <http://www.engramma.it/eOS/index.php?id_articolo=1650> Acesso em: 21 jul. 2019.

WARBURG, Aby. A renovação da Antiguidade pagã: contribuições científico-culturais para a história do Renascimento europeu. Rio de Janeiro: Contraponto, 2013.

WARBURG, Aby. Histórias de fantasma para gente grande: escritos, esboços e conferências. São Paulo: Companhia das Letras, 2015.

WARBURG, Aby. O legado do antigo. Escritos inéditos. Campinas, SP: Ed. UNICAMP, 2018. v. 1.

WEDEPOHL, Claudia. (research lead); Online Bilder Atlas Mnemosyne. The Warburg Institute Archive. Disponível em: <https://warburg.sas.ac.uk/library-collections/warburg-institute-archive/online-bilderatlas-mnemosyne>. Acesso em 09 jun. 2019.

WIND, Edgar. O conceito de “Kulturwissenschaft” em Warburg e o seu significado para a estética. In: WARBURG, Aby. O legado do antigo. Escritos inéditos. Campinas, SP: Ed. UNICAMP, 2018. v. 1, p. 255-280.

WIND, Edgar. Sobre uma recente Biografia de Warburg. In: WARBURG, Aby. O legado do antigo. Escritos inéditos. Campinas, SP: Ed. UNICAMP, 2018. v. 1, p. 281-300.

YATES, Frances A. Giordano Bruno e a tradição hermética. Tradução Yolanda Steidel de Toledo. Editora Cultrix, São Paulo, 1995.

Downloads

Publicado

28-07-2022 — Atualizado em 07-08-2022

Versões

Como Citar

RISI PEREIRA BARRETO, P. Pathosformeln astrológicas em Aby Warburg: palavras e imagens de orientação cósmica. ARJ – Art Research Journal: Revista de Pesquisa em Artes, [S. l.], v. 9, n. 1, 2022. DOI: 10.36025/arj.v9i1.29653. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/artresearchjournal/article/view/29653. Acesso em: 26 set. 2022.

Edição

Seção

Monstros e esferas celestiais / Monstruos y esferas celestes