Informações proativas emitidas por um centro de informações sobre medicamentos na pandemia de COVID-19 no período de 2020 a 2022

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21680/2447-0198.2022v6n1ID28708

Palavras-chave:

uso de medicamentos, comunicação em saúde, informação em saúde, acesso à informação, medicina baseada em evidências

Resumo

O objetivo deste estudo foi descrever os produtos infocomunicacionais sobre medicamentos emitidos pelo CIMUFS-LAG como parte do serviço de informação proativa durante o período entre março de 2020 e a fevereiro de 2022, no contexto da pandemia de COVID-19. Trata-se de um estudo descritivo, de abordagem observacional, qualiquantitativo, de caráter transversal e retrospectivo realizado através de análise dos documentos referentes as informações proativas emitidas pelo CIMUFS-LAG durante a pandemia de COVID-19. Observou-se que diferentes materiais informativos foram disponibilizados, dentre esses 38,5% (n=15) das informações foram notas técnicas, seguido de compilados informativos para educação em saúde (25,6%; n=10), boletins 17,9% (n=7) e alertas de medicamentos 15,4% (n=6).  A infodemia e a não compreensão das informações acentuou o uso inadequado e não seguro de medicamentos. Considerando a informação como ferramenta essencial para a proteção, promoção e recuperação da saúde, assim como para a prevenção de agravos e doenças, paralelamente a pandemia de COVID-19 e da infodemia, pode-se notar como centros e serviços de informação possibilitam ampliar a compreensão acerca das intervenções terapêuticas baseadas em evidências científicas, fortalecendo a assistência à saúde. Ainda, faz-se notar as potencialidades desse tipo de serviço frente a educação em saúde a partir do acesso à informação, corresponsabilização do cuidado e do agir consciente nas decisões coletivas e individuais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Josefa Elisabete Fraga Serafim, Universidade Federal de Sergipe

 Discente de graduação em Farmácia, Universidade Federal de Sergipe, campus universitário Professor Antônio Garcia Filho (UFS-Lag), Lagarto, SE, Brasil.

Luiz Eduardo Oliveira Matos, Universidade Federal de Sergipe

Farmacêutico, Residência Multiprofissional em Atenção Hospitalar à Saúde, Universidade Federal de Sergipe, campus universitário Professor Antônio Garcia Filho (UFS-Lag), Lagarto, SE, Brasil.

Tais Cristina Unfer, Universidade Federal de Sergipe

 Coordenadora do Centro de Informações sobre Medicamentos (CIMUFS-LAG), Docente no Departamento de Farmácia de Lagarto (DFAL), Universidade Federal de Sergipe, campus universitário Professor Antônio Garcia Filho (UFS-Lag), Lagarto, SE, Brasil

Referências

BRANDÃO, M. F. B. de O. et al. Elaboração de Informes Técnicos sobre o uso de medicamentos na COVID-19: um trabalho colaborativo de Centros de Informações sobre Medicamentos do Brasil. Vigilância Sanitária em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia, [S. l.], v. 8, n. 3, p. 161–170, 2020. DOI: https://doi.org/10.22239/2317-269X.01701. Disponível em: https://visaemdebate.incqs.fiocruz.br/index.php/visaemdebate/article/view/1701. Acesso em: 12 nov. 2021.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias do SUS. Diretrizes Brasileiras para Tratamento Medicamentoso Ambulatorial do Paciente com Covid-19. Brasília, DF: MS, 2021. Disponível em: http://conitec.gov.br/images/Relatorios/2022/20220121_Diretrizes_Brasileiras_para_Tratamento_Medicamentoso_Ambulatorial_do_Paciente_com_Covid-19.pdf. Acesso em: 20 nov. 2021.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde. Centros e Serviços de Informação sobre Medicamentos: princípios, organização, prática e trabalho em redes para promoção do Uso Racional de Medicamentos. Brasília, DF: Ministério da Saúde, 2020. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/centros_servicos_informacao_medicamentos.pdf. Acesso em: 2 fev. 2022.

BUCKLAND, M. K. Information as thing. Journal of the American Society for Information Science, New York, v. 42, n. 5, p. 351-360, June 1991. DOI: https://doi.org/10.1002/(SICI)1097-4571(199106)42:5<351::AID-ASI5>3.0.CO;2-3. Disponível em: https://ppggoc.eci.ufmg.br/downloads/bibliografia/Buckland1991.pdf. Acesso em: 2 mai. 2022.

CALY, L. et al. A ivermectina de medicamentos aprovada pela FDA inibe a replicação do SARS-CoV-2 in vitro. Antiviral Research, [S. l.], v. 178, n. 104787, jun. 2020. DOI: https://doi.org/10.1016/j.antiviral.2020.104787. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0166354220302011?via%3Dihub. Acesso em: 12 nov. 2021.

CENTROS DE INFORMAÇÕES SOBRE MEDICAMENTOS – CIM. Ausência de evidências científicas que relacionem o agravamento da infecção causada pelo novo coronavírus (SARS-COV-2) e a utilização de alguns medicamentos anti-hipertensivos e anti-inflamatórios não esteroidais (AINEs). 17 mar. 2020. Disponível em: https://cemedmg.files.wordpress.com/2020/03/nota-tc389cnica-2.pdf. Acesso em: 15 set. 2021.

CONSELHO FEDERAL DE FARMÁCIA. Uso racional de psicotrópicos durante a pandemia. Brasília, DF, 14 ago. 2020. Seção Notícias do CFF, não paginado. Disponível em: https://www.cff.org.br/noticia.php?id=5951. Acesso em: 5 jan. 2022.

DESTRO, D. R.; MARTINS, B. B. R.; BRITO, M. J. M.; CHEMELLO, C. Perspectives of patients on pharmacotherapeutic follow-up in Primary Health Care in a Brazilian capital. Research, Society and Development, [S. l.], v. 10, n. 9, p. e37510918125, 2021. DOI: https://doi.org/10.33448/rsd-v10i9.18125. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/18125. Acesso em: 11 jun. 2022.

GOUVEIA, L. B.; SILVA, A. M. da. A infocomunicação ou a convergência das Ciências da Informação e da Comunicação para um objeto comum. Páginas a&b: arquivos e bibliotecas (Portugal), n. especial, p. 15–33, 2020. DOI: https://doi.org/10.21747/21836671/pag2020a2. Disponível em: https://ojs.letras.up.pt/index.php/paginasaeb/article/view/7814. Acesso em: 28 mai. 2022.

GUIMARÃES, Á. S.; CARVALHO, W. Desinformação, Negacionismo e Automedicação: a relação da população com as drogas “milagrosas” em meio à pandemia da COVID-19. InterAmerican Journal of Medicine and Health, [S. l.], v. 3, 19, ago. 2020. DOI: https://doi.org/10.31005/iajmh.v3i0.147. Disponível em: https://www.iajmh.com/iajmh/article/view/147. Acesso em: 10 dez. 2021.

KALIL, A. C. Treating COVID-19 off-label drug use, compassionate use, and randomized clinical trials during pandemics. JAMA, [S. l.], v. 323, n. 19, p. 1897-1898, May 2020. DOI: https://doi.org/10.1001/jama.2020.4742. Disponível em: https://jamanetwork.com/journals/jama/fullarticle/2763802. Acesso em: 12 nov. 2021.

LI, H. et al. Fighting against COVID-19: Innovative strategies for clinical pharmacists. Research in Social and Administrative Pharmacy, v. 17, n. 1, p. 1813-1818, Jan. 2021. DOI: http://dx.doi.org/10.1016/j.sapharm.2020.04.003. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S1551741120303284?via%3Dihub. Acesso em: 10 out. 2021.

LIU, M. et al. Internet searches for unproven COVID-19 therapies in the United States. JAMA Internal Medicine, [S. l.], v. 180, n. 8, p. 1116-1118, Apr. 2020. DOI: https://doi.org/10.1001/jamainternmed.2020.1764. Disponível em: https://jamanetwork.com/journals/jamainternalmedicine/fullarticle/2765361. Acesso em: 2 nov. 2021.

MATOS, L. E. O.; UNFER, T. C. Saúde Baseada em Evidências e educação popular em saúde: atuação do CIMUFS-LAG frente à pandemia de COVID-19. In: CEBRIM (org.). Educação em saúde dirigida à comunidade. 2021, p. 12-13. Disponível em: https://cff.org.br/userfiles/BOLETIM%20CIM-SIM%2008jul2021%20as%2017h48.pdf. Acesso em: 11 jun. 2022.

MELO, J. R. R. et al. Automedicação e uso indiscriminado de medicamentos durante a pandemia da COVID-19. Caderno de Saúde Pública 2021, [Rio de Janeiro], v. 37, n. 4, 2021. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/0102-311X00053221. Disponível em: https://www.scielo.br/j/csp/a/tTzxtM86YwzCwBGnVBHKmrQ/?format=pdf&lang=pt. Acesso em: 21 dez. 2021.

MINAYO, M.C.S. (org.). Pesquisa Social. Teoria, método e criatividade. 18. ed. Petrópolis: Vozes, 2001.

MOTA, D. M.; KUCHENBECKER, R. de S. Considerações sobre o uso de evidências científicas em tempos de pandemia: o caso da COVID-19. Vigilância Sanitária em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia, [S. l.], v. 8, n. 2, p. 2–9, 2020. DOI: https://doi.org/10.22239/2317-269x.01541. Disponível em: https://visaemdebate.incqs.fiocruz.br/index.php/visaemdebate/article/view/1541. Acesso em: 20 nov. 2021.

OLIVEIRA, J. V. L. et al. A automedicação no período de pandemia de COVID-19: Revisão integrativa. Research, Society and Development, [Vargem Grande Paulista, SP], v. 10, n. 3, p. e58610313762, nov. 2021. DOI: https://doi.org/10.33448/rsd-v10i3.13762. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/13762. Acesso em: 10 jan. 2022.

ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE - OMS. Entenda a infodemia e a desinformação na luta contra a COVID-19. [S.l.]: OPAS, 2020. (Folheto Informativo. Saúde Digital; 9). Disponível em: https://iris.paho.org/bitstream/handle/10665.2/52054/Factsheet-Infodemic_por.pdf. Acesso em: 20 dez. 2021.

PAULA, T. C. et al. Análise clínica e epidemiológica das internações hospitalares de idosos decorrentes de intoxicações e efeitos adversos de medicamentos, Brasil, de 2004 a 2008. Revista Brasileira de Epidemiologia, [São Paulo], v. 15, n. 4, p. 828-844, dez. 2012. DOI: https://doi.org/10.1590/S1415-790X2012000400014. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-790X2012000400014&lng=en. Acesso em: 27 maio 2020.

PAUMGARTTEN, F. J. R.; OLIVEIRA, A. C. A. X. Uso off label, compassivo e irracional de medicamentos na pandemia de Covid-19, consequências para a saúde e questões éticas. Ciência e Saúde Coletiva, [Rio de Janeiro], v. 25, n. 9, p. 3413–3419, 2020. DOI: https://doi.org/10.1590/1413-81232020259.16792020. Disponível em: https://www.scielo.br/j/csc/a/GQwLcBQZmGYp7mK3V6r7tFt/?lang=en. Acesso em: 15 set. 2020.

POSSAMAI, F. P.; DACOREGGIO, M. dos S. A habilidade de comunicação com o paciente no processo de atenção farmacêutica. Trabalho, Educação e Saúde, [Rio de Janeiro], v. 5, n. 3, p. 473-490. 2007. DOI: https://doi.org/10.1590/S1981-77462007000300008. Disponível em: https://www.scielo.br/j/tes/a/pVDQHJvjnKszVX8R7v3CgnR/?lang=pt. Acesso em: 11 jun. 2022.

SANTOS, J. L. G. et al. Como os hospitais universitários estão enfrentando a pandemia de COVID-19 no Brasil? Acta Paulista de Enfermagem, [São Paulo], v. 33, p. 1-8, 2020. DOI: https://doi.org/10.37689/acta-macaco/2020AO01755. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ape/a/fr9jQffksDfd64CtjwR63YP/abstract/?lang=pt. Acesso em: 2 dez. 2020.

SCHMIDT, B. et al. Saúde mental e intervenções psicológicas diante da Pandemia do novo Coronavírus (Covid-19). Estudos de Psicologia, Campinas, v. 37, p. 1–26. 2020. DOI: https://doi.org/10.1590/1982-0275202037e200063. Disponível em: https://www.scielo.br/j/estpsi/a/L6j64vKkynZH9Gc4PtNWQng/?lang=pt. Acesso em: 5 dez. 2021.

SCHUCHMANN, A. Z. et al. Isolamento social vertical X Isolamento social horizontal: os dilemas sanitários e sociais no enfrentamento da pandemia de COVID-19. Brazilian Journal of Health Review, Curitiba, v. 3, n. 2, p. 3556–3576, Mar./Apr. 2020. DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n2-185. Disponível em: https://www.brazilianjournals.com/index.php/BJHR/article/view/9128/7738. Acesso em: 12 out. 2021.

SILVA, E. V. Centro de informação sobre medicamentos: caracterização do serviço e estudo da opinião dos usuários. 2002. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde, área de concentração: Epidemiologia) - Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Ciências da Saúde, Universidade de Brasília, Brasília, 2002. Disponível em: https://teses.icict.fiocruz.br/pdf/silvaevm.pdf. Acesso em: 11 jun. 2022.

SILVA, J. D. A.; SILVA, N. S. Produção de audiodocumentário em práticas de Educação pela Comunicação: empoderamento comunicativo e responsabilidade social. Revista Mídia e Cotidiano, [S. l.], v. 13, n. 3, p. 105-120, 5 dez. 2019. DOI: https://doi.org/10.22409/rmc.v13i3.38067. Disponível em: https://periodicos.uff.br/midiaecotidiano/article/view/38067. Acesso em: 11 jun. 2022.

TRITANY, R. F.; TRITANY, É. F. Uso Racional de Medicamentos para COVID-19 na Atenção Primária à Saúde. Saúde em Redes, Rio de Janeiro, v. 6, n. 2, 2020. DOI: https://doi.org/10.18310/2446-4813.2020v6n2%20Suplemp11-21. Disponível em: http://revista.redeunida.org.br/ojs/index.php/rede-unida/article/view/3205. Acesso em: 6 fev. 2022.

VIDOTTI, C. C. F. Centros de Informação de Medicamentos no Brasil: passado, presente e perspectivas do sistema brasileiro de informação sobre medicamentos. 1999. 221p. Dissertação (Mestrado em Farmacologia) – Faculdade de Ciências Médicas, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, SP, 1999. Disponível em: https://repositorio.unicamp.br/acervo/detalhe/182836. Acesso em: 15 nov. 2021.

VIDOTTI, C. C. F. et al. Sistema Brasileiro de Informação sobre Medicamentos – SISMED. Caderno de Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 16, n. 4, p. 1121-1126, out./dez. 2000. DOI: https://doi.org/10.1590/S0102-311X2000000400030. Disponível em: https://www.scielo.br/j/csp/a/m3zV6T44srYDhpxxgSCDgTg/?lang=pt. Acesso em: 11 jun. 2022.

Downloads

Publicado

15-07-2022

Como Citar

SERAFIM, J. E. F.; MATOS, L. E. O.; UNFER, T. C. Informações proativas emitidas por um centro de informações sobre medicamentos na pandemia de COVID-19 no período de 2020 a 2022. Revista Informação na Sociedade Contemporânea, [S. l.], v. 6, n. 1, p. e28708, 2022. DOI: 10.21680/2447-0198.2022v6n1ID28708. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/informacao/article/view/28708. Acesso em: 6 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos