Do ópio do povo ao re-encantamento do mundo: religião e religiosidade em Marx e Weber

Autores

  • Eduardo Mara Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Resumo

Este artigo pretende realizar uma análise crítica do papel da religião nas teorias
clássicas das Ciências Sociais a partir das obras de Marx e Weber. Buscamos
entender, em particular, a relação entre religião e desencantamento do mundo, ou
seja, a influência da racionalidade capitalista nas religiões mundiais e o potencial
crítico destas em relação ao mundo dos homens. Acreditamos ser importante um
retorno a esses autores para entendermos o papel que o discurso religioso ocupa hoje
na militância dos movimentos sociais e seu potencial mobilizador para a mudança
social.
Palavras-chave: Sociologia da Religião. Clássicos da Sociologia. Movimentos Sociais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

23-12-2013

Como Citar

MARA, E. Do ópio do povo ao re-encantamento do mundo: religião e religiosidade em Marx e Weber. Revista Inter-Legere, [S. l.], n. 2, 2013. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/interlegere/article/view/4795. Acesso em: 12 jul. 2024.