ALTO E BAIXO DESEMPENHO NO ENADE: QUE VARIÁVEIS EXPLICAM?

Autores

  • Karinne Custódio Silva Lemos Universidade Federal de Uberlândia
  • Gilberto José Miranda Universidade Federal de Uberlândia - UFU

Resumo

O presente estudo teve como objetivo identificar, entre as variáveis analisadas pelo SINAES, que influenciam o desempenho acadêmico dos discentes. A amostra utilizada foram os cursos de graduação em Ciências Contábeis que obtiveram conceitos 1 e 2 versus 4 e 5 no ENADE dos anos de 2009 e 2012, totalizando 383 cursos, em 2009, e 464, em 2012. Foram analisadas as seguintes variáveis: nota dos ingressantes no Enem, escolaridade dos pais, nota infraestrutura, nota organização didático pedagógica, regime de trabalho docente e quantidades de mestres e doutores. O trabalho utilizou como ferramenta estatística o teste não paramétrico Mann-Whitney, uma vez que os dados não apresentavam distribuição normal. De acordo com os resultados, a única variável que não apresentou influência na nota obtida pelas IES no ENADE foi escolaridade dos pais. Os resultados obtidos pela pesquisa revelam os principais pontos em que as entidades de ensino superior devem investir para obterem melhores resultados no ENADE, quais sejam: qualificação docente (titulação e formação pedagógica), investimento em infraestrutura e ampliação da quantidade de professores com dedicação exclusiva.

Palavras-chave: ENADE. Desempenho Acadêmico. SINAES. Ciências Contábeis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Karinne Custódio Silva Lemos, Universidade Federal de Uberlândia

Graduada em Ciências Contábeis pela Universidade Federal de Uberlândia

Gilberto José Miranda, Universidade Federal de Uberlândia - UFU

É Doutor em Controladoria e Contabilidade pela Universidade de São Paulo (FEA/USP) e professor do Programa de Mestrado da Faculdade de Ciências Contábeis da UFU.

Referências

ALDIN, M. M.; NAYEBZADEH, S.; HEIRANY, F. The Relationship between Background Variables and the Educational Performance (Case Study: Accounting MA Students). International Proceedings of Economics Development & Research, v. 13, 2011.

ARAÚJO, E. Alberto T.; CAMARGOS, M. A.; CAMARGOS, M. C. S. 2011. “Desempenho Acadêmico de Discentes do Curso de Ciências Contábeis: Uma Análise dos Seus Fatores Determinantes em Uma IES Privada.” Anais... XXXV Encontro da ANPAD, Rio de Janeiro, 4 a 7 de Setembro de 2011.

BARROS, R. P.; MENDONÇA, R.; SANTOS, D.; QUINTAES, G. Determinantes do desempenho educacional no Brasil. Pesquisa e Planejamento econômico, v.31, n.1, Brasília, 2001.

BERNARDI, R. A.; BEAN, D. F. The importance of performance in Intermediate Accounting I on performance in a subsequent accounting course. The Accounting Educators' Journal, v. 14, 2006.

BEUREN, I.M. et al. Como Elaborar Trabalhos Monográficos em Contabilidade: teoria e prática. In: BEUREN, I.M. (Org.). 3 ed. São Paulo: Atlas, 2006.

BITTENCOURT, H. R.; VIALI, L.; CARTELLIAS, A. O.; ALZIRO CESAR DE M. RODRIGUES, A. C. M. Uma análise da relação entre os conceitos Enade e IDD. Estudos em Avaliação Educacional 19, n. 40, p. 247-262, 2008.

BRASIL. Lei nº 10.861, de 14 de abril de 2004. Institui o sistema nacional de avaliação da educação superior – SINAES e dá outras providências. Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil. Brasília, 14 abril. 2004. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2004/lei/l10.861.htm>; Acesso em 18 nov. 2013.

BRASIL. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais. Diretoria de Informações e Estatísticas Educacionais (INEP/SEEC). Censo do Ensino Superior. 2011. Disponível em: <http://portal.inep.gov.br/indice-geral-de- cursos>; Acesso em: 18 nov. 2013.

¬¬ BRASIL. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais. Índice Geral de Cursos (IGC), 2013. Disponível em: <http://portal.inep.gov.br/indice-geral-de- cursos>; Acesso em: 18 nov. 2013.

BRASIL. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais. Educação Superior. SINAES. Disponível em: <http://portal.inep.gov.br/superior-sinaes>; Acesso em: 18 nov. 2013.

¬¬BRASIL. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas. SINAES – Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior – da concepção à regulamentação. Brasília. 5ª ed, p 1-327, 2009.

BYRNE, M.; FLOOD, B. Examining the relationships among background variables and academic performance of first year accounting students at an Irish University. Journal of Accounting Education, v. 26, n. 4, p. 202-212, 2008.

CAMPBELL, M. M. Motivational systems theory and the academic performance of college students. Journal of College Teaching & Learning (TLC), v. 4, n. 7, 2011.

CAPELATO, Rodrigo. Desconstrução das fórmulas do IGC e do CPC e demonstração de inconsistência dos índices no processo de avaliação. Estudos, ano 28, n. 40, p. 117-124, dezembro, 2012.

CORBUCCI, P. R. Desafios da educação superior e desenvolvimento no Brasil. Texto para discussão n.º 1287. IPEA: Brasília, jul. 2007. Disponível em: <http://www.ipea.gov.br> Acesso em: 04 jul. 2013

DALLABONA, L. F.; MOURA, G. D.; DOMINGUES, M. J. C. S. Evidências da Relação entre Qualificação Docente e Desempenho Acadêmico: uma análise à luz da Teoria do Capital Humano. Sociedade, Contabilidade e Gestão, vol. 8, n. 1, jan/abr, 2013.

DEVORE, J. L. Probabilidade e estatística para engenharia e ciências. Pioneira Thomson Learning, 2006.

FOX, J.; BARTHOLOMAE, S. Student learning style and educational outcomes: evidence from a family financial management course. Financial Services Review, v. 8, n. 4, 1999.

FOX, A.; STEVENSON, L.; CONELLY, P.; DUFF, A.; DUNLOP, A. Peer-mentoring undergraduate accounting students: The influence on approaches to learning and academic performance. Active learning in higher education, v. 11, n. 2, p. 145-156, 2010.

GLEWWE, P. W., HANUSHEK, E. A.; HUMPAGE, S. D. and RAVINA, R. School resources and educational outcomes in developing countries: A review of the literature from 1990 to 2010. National Bureau of Economic Research, 2011.

KALBERS, L. P.; WEINSTEIN, G. P. Student performance in introductory accounting: A multi-sample, multi-model analysis. The Accounting Educators' Journal, v. 11, 1999.

KATSIKAS, E; PANAGIOTIDIS, T. Student status and academic performance: Accounting for the symptom of long duration of studies in Greece. Studies in Educational Evaluation, v. 37, n. 2, p. 152-161, 2011.

LEVERETT, H. M.; ZURITA, F. I.; KAMERY, Rob H. The effects of adjunct instruction on final grades in the principles of accounting course. Academy of Legal, Ethical and Regulatory Issues, p. 79, 2005.

MARTINS, O. S., DO MONTE, P. A. Variáveis que explicam os desempenhos acadêmico e profissional dos mestres em contabilidade do programa multiinstitucional UNB/UFPB/UFRN. Revista Universo Contábil, v. 7, n. 1, p. 68-87, 2011.

MIRANDA, G. J. Relações entre as qualificações do professor e o desempenho discente nos cursos de graduação em Contabilidade no Brasil. 2011. Tese de Doutorado. Tese de doutorado em Ciências Contábeis, Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis, Departamento de Contabilidade e Atuária, FEA/USP, São Paulo, SP, Brasil.

MIRANDA, G. J; LEMES, S.; LIMA, F. D. C; JÚNIOR, V. B. Relações entre desempenho acadêmico e acesso aos programas de mestrado em ciências contábeis. Revista Ambiente Contábil – UFRN. v. 6. n. 1, p. 141 – 162, 2014.

MIRANDA, G. J.; NOVA, S. P. C. C.; CORNACCHIONE JR, E. B. The Accounting Education Gap in Brazil. China–USA Business Review, v. 12, n. 4, p. 361-372, 2013.

MORAIS, D. M. G.; COSTA, L. V. Influência da Titulação Docente no Desempenho de Cursos de Administração. Anais... XVII SemeAd, São Paulo/SP, 2014.

MOROSINI, M. C. Docência Universitária e os desafios da realidade nacional. In: MOROSINI, M. C. (Org.). Professor do Ensino Superior: identidade docência e formação. Brasília: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas, 2000.

PELEIAS, I. R., SILVA, G. P., SEGRETI, J. B., CHIOROTTO, A. R. Evolução do ensino da contabilidade no Brasil: uma análise histórica. Revista de Contabilidade e Finanças–USP, São Paulo, Edição, v. 30, p. 19-32, 2007.

POLIDORI, M. M.; MARINHO-ARAÚJO, C. M.; BARREYRO, G. B. SINAES: perspectivas e desafios na avaliação da educação superior brasileira. Ensaio, v. 14, n. 53, p. 425-436, 2006.

RISTOFF, Dilvo I.; LIMANA, Amir. O ENADE como parte da avaliação da educação superior. Disponível em: <http://inep.gov.br/imprensa/artigos/ artigos/enade.html>. Acesso em: 23 abr. 2014.

RISTOFF, D.; GIOLO, J. O SINAES como sistema. Revista Brasileira de Pós-Graduação, v. 3, n. 6, 2011.

RODGERS, J. R. A panel-data study of the effect of student attendance on university performance. Australian Journal of Education, v. 45, n. 3, p. 284-295, 2001.

ROMER, D. Do students go to class? Should they? The Journal of Economic Perspectives, p. 167-174, 1993.

SILVA, A. C. R; GOMES, S. M.; GUIMARÃES, I. P. Educação em Contabilidade: Alguns Aspectos Crítico sugestivos do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes-ENADE/2006. Anais... Congresso Brasileiro de Contabilidade. 2008.

SILVA, S. L. P. e FARONI, W. Análise da expansão dos cursos de graduação em administração e ciências contábeis na modalidade de educação a distância. Anais... XI Congresso Virtual Brasileiro de Administração. 2010

SOUZA, E. S. ENADE 2006: Determinantes do desempenho dos estudantes do curso de Ciências Contábeis. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências Contábeis) Programa Multiinstitucional e Inter-Regional de Pós-Graduação em Ciências Contábeis da UnB, UFPB e UFRN, Brasília, 2008.

STEENKAMP, L. P.; BAARD, R. S.; FRICK, B. L. Factors influencing success in first-year accounting at a South African university: a comparison between lecturers’ assumptions and students’ perceptions. SA Journal of Accounting Research Vol, v. 23, n. 1, 2009.

THOMAS, Jerry R.; NELSON, Jack K.; SILVERMAN, Stephen J. Métodos de pesquisa em atividade física. Artmed, 2002.

VERHINE, R. E.; DANTAS, L. M. V.; SOARES, J. F. Do Provão ao ENADE: uma análise comparativa dos exames nacionais utilizados no Ensino Superior Brasileiro. Ensaio: avaliação e políticas públicas em educação, v. 14, n. 52, p. 291-310, 2006.

VERSIEUX, R. E. Avaliação do ensino superior brasileiro: PAIUB, o ENC e o SINAES. 2004.

WILLIAMS, R.H.; DUKES, T. A.; KAMERY, R. H. The principles of marketing course and the effects of part-time instruction on final grades. Academy of Marketing Studies. 2004. p. 85.

WILSON, A. Exogenous determinants of student performance in first finance classes. Financial Decisions, v. 14, n. 1, p. 1-15, 2002.

Downloads

Publicado

04-06-2015

Como Citar

LEMOS, K. C. S.; MIRANDA, G. J. ALTO E BAIXO DESEMPENHO NO ENADE: QUE VARIÁVEIS EXPLICAM?. REVISTA AMBIENTE CONTÁBIL - Universidade Federal do Rio Grande do Norte - ISSN 2176-9036, [S. l.], v. 7, n. 2, p. 101–118, 2015. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/ambiente/article/view/5579. Acesso em: 13 abr. 2024.

Edição

Seção

ARTIGOS