As linhas poéticas da educação e da pesquisa em Jorgge Menna Barreto e Ricardo Basbaum

Palavras-chave: Artes Visuais, Arte Contemporânea, Pesquisa Artística, Virada Educacional, Discursividade

Resumo

Ricardo Basbaum e Jorgge Menna Barreto são artistas, pesquisadores e professores universitários, têm um corpo teórico consistente de textos, incluindo dissertação e tese, se engajam em publicações, oficinas e palestras. Eles ilustram a conexão entre a universidade e os mais variados circuitos da arte através da educação e da pesquisa, até o momento em que essas questões não são apenas condições institucionais, mas são, antes, qualidades constitutivas de seus projetos poéticos. Assim, o propósito deste estudo, a partir de uma perspectiva historiográfica da arte, é delimitar a importância para a arte contemporânea das linhas poéticas tanto da educação quanto da pesquisa, ambas parte de um fenômeno maior de interesse da arte sobre o conhecimento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vagner Godói, Universidade Estadual Paulista (Unesp), Franca

Vagner de Godói Souza é pós-doutorando no departamento de História da Universidade Estadual Paulista (Unesp), campus de Franca, e membro colaborador do Centro de Investigação e de Estudos em Belas-Artes da Universidade de Lisboa (CIEBA-FBAUL). Doutor e mestre pelo Programa de Pós-Graduação Interunidades em Estética e História da Arte da Universidade de São Paulo (PGEHA USP). Possui graduação em Design Gráfico pela Unesp, campus de Bauru. Vem estudando a história da Pesquisa em Arte e Design a partir de uma perspectiva pós-estruturalista e dos estudos culturais.

Referências

BARRETO, Jorgge Menna. Anotações sobre uma certa inclinação educativa de em uma trajetória (supostamente) artística. Urbânia, n. 5, São Paulo, 2014, p. 214-223.

BARRETO, Jorgge Menna. Exercícios de leitoria. Tese (Doutorado em Poéticas Visuais) – Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo, 2012.

BARRETO, Jorgge Menna. Lugares moles. Dissertação (Mestrado em Poéticas Visuais) – Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo, 2007.

BASBAUM, Ricardo. Carbono entrevista Ricardo Basbaum. Entrevista concedida a Marina Fraga. Revista Carbono, n. 2, Rio de Janeiro, 2013a. Disponível em: https://bit.ly/2YIBJDQ. Acesso em: 23 out. 2016.

BASBAUM, Ricardo. Amo os artistas etc. In: ___. Manual do artista-etc. Rio de Janeiro: Beco do Azougue, 2013b, p. 167-170.

BASBAUM, Ricardo et al. Roteiro conversa coletiva: re-projetando (belo horizonte). In: BASBAUM, Ricardo; MARQUEZ, Renata (org.). conjs., re-bancos*: exercícios&conversas. Catálogo de exposição. Belo Horizonte: Museu de Arte da Pampulha, 2012, p. 30-51.

BEUYS, Joseph. I Am Searching for Field Character. In: KUONI, Carin (org.). Energy Plan for the Western Man: Writings by and Interviews with the Artist: Joseph Beuys in America. New York: Four Walls Eight Windows, 1990, p. 21-23.

BEUYS, Joseph. A revolução somos nós. In: FERREIRA, Glória; COTRIM, Cecília (org.). Escritos de Artistas. Anos 60/ 70. Rio de Janeiro: Zahar, 2009, p. 300-324.

BEUYS, Joseph; BÖLL, Heinrich. Manifesto on the Foundation of a “Free International School for Creativity and Interdisciplinary Research”. In: TISDALL, Caroline. Art into Society, Society into Art: Seven German Artists. London: Institute of Contemporary Art, 1974, p. 49-50.

BISHOP, Claire. Antagonism and Relational Aesthetics. October, n. 110, p. 51-79, Fall 2004.

DELEUZE, Gilles. Conversações. São Paulo: Editora 34, 2010.

FILLIOU, Robert. Teaching and Learning as Performing Arts. New York: Kasper König, 1970.

HOFF, Mônica. A virada educacional nas práticas artísticas e curatoriais contemporâneas e o contexto de arte brasileiro. Dissertação (Mestrado em Artes Visuais) – Instituto de Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2014.

HOFFMAN, Jens (ed). The Next Documenta Should Be Curated By An Artist. e-flux Projects. 2004. Disponível em: https://bit.ly/34GXdEU. Acesso em: 23 jan. 2016.

HONORATO, Cayo. A formação do artista: conjunções e disjunções entre arte e educação. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011.

KAPROW, Allan. Essays on the Blurring of Art and Life. Organização de Jeff Kelley. Los Angeles: University of California Press, 1993.

KRAUSS, Rosalind. A escultura no campo ampliado. Arte & Ensaios, n. 17, p. 128-137, EBA/ UFRJ, Rio de Janeiro, 2008. Disponível em: https://bit.ly/34JC794. Acesso em: 26 jan. 2016.

KWON, Miwon. One Place After Another: Site-specific Art and Locational Identity. Cambridge: MIT Press, 2002.

NELUND, Sidsel. Acts of Research: Knowledge Production in Contemporary Art between Knowledge Economy and Critical Practice. Tese (Doutorado em Artes e Estudos Culturais) – Institut for Kunst og Kulturvidenskab, University of Copenhagen, Copenhagen, 2014.

O’NEILL, Paul; WILSON, Mick (ed.). Curating and the Educational Turn. London: Open Editions, 2010.

ROGOFF, Irit. Turning. In: O’NEILL, Paul; WILSON, Mick (ed.). Curating and the Educational Turn. London: Open Editions, 2010, p. 32-46.

VIDOKLE, Anton. From Exhibition to School. Notes from unitednationsplaza. In: MADOFF, Steven Henry (ed.). Art School: Propositions for the 21st Century. Cambridge, Massachusetts: MIT Press, 2009, p. 189-200.

VIDOKLE, Anton. Exhibition as School in a Divided City. In: VIDOKLE, Anton; WALDVOGEL, Florian; EL-DAHAB, Mai Abu (ed.). Notes for an Art School: Manifesta 6. 2006. Disponível em: https://bit.ly/32CCBuG. Acesso em: 4 jan. 2016.

ZACCAGNINI, Carla. Dissertação: a obra como lugar do texto, o texto em lugar da obra. Dissertação (Mestrado em Poéticas Visuais) – Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2004.

Publicado
21-06-2021
Como Citar
DE GODÓI SOUZA, V. As linhas poéticas da educação e da pesquisa em Jorgge Menna Barreto e Ricardo Basbaum. ARJ – Art Research Journal / Revista de Pesquisa em Artes, v. 8, n. 1, 21 jun. 2021.