APRENDIZAGEM HISTÓRICA NA INFÂNCIA:

imaginação e saber histórico no espaço escolar do Núcleo de Educação Infantil (1988-2006)

Autores

  • Thábata Araújo de Alvarenga UFRN

DOI:

https://doi.org/10.21680/1984-817X.2022v18n1ID26282

Palavras-chave:

Aprendizagem histórica; Imaginação histórica; Espaço escolar; Infância; Núcleo de Educação Infantil

Resumo

Este artigo tem por objetivo compreender a aprendizagem histórica na infância, no espaço escolar do Núcleo de Educação Infantil (NEI-CAp-UFRN), escola de aplicação vinculada ao então Departamento de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, entre os anos de 1988 e 2006. Nesse trabalho, para analisarmos as narrativas produzidas pelas crianças que estavam em processo de alfabetização e frequentavam o último ano da educação infantil (Turma 5) no NEI, utilizamo-nos das categorias de imaginação histórica e aprendizagem histórica, a partir dos postulados teóricos produzidos, sobretudo, por Hayden White e Jörn Rüsen. A análise qualitativa das narrativas, demonstra como a cultura escolar e os saberes históricos produzidos no NEI, influenciavam o pensamento das crianças que lá estudavam.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BOSI, Alfredo. O tempo e os tempos. In. NOVAES, Adauto. (Org.) Tempo e História. São Paulo: Companhia das Letras, 1992, p.19-32.

CAPISTRANO, Naire Jane; BENTO, Sarah E. Serêjo (Orgs.). Uma viagem mágica ao mundo das histórias. Turma 5 B - tarde. Natal: UFRN/CCSA/DE/NEI, 2004.

CERTEAU, Michel de. A invenção do cotidiano. 1. Arte de Fazer. Petrópolis/RJ: Vozes, 2008.

CHOAY, Françoise. A alegoria do patrimônio. São Paulo: Estação Liberdade, 2001.

CUNHA, Marcus Vinícius. A escola contra a família. In.: LOPES, Eliane Marta Teixeira; FARIA FILHO, Luciano Mendes; VEIGA, Cintya Greive (Orgs.). 500 anos de educação no Brasil. Belo Horizonte: Autêntica, 2003, p. 447-468.

DINIZ, Andréa M.; OLIVEIRA, Sayonara Miranda A. de; COSTA, Simone Rodrigues de Lima (Orgs.). Gira, Gira: viajando no universo do saber. Turma 5 - tarde. Natal: UFRN/CCSA/DE/NEI, 2005.

DUBY, Georges. A história – um divertimento, um meio de evasão um meio de formação. In. LADURIE, E. Le Roy et alli. A nova história. Lisboa: Edições 70, 1984.

ESCOLANO, Agustín. Arquitetura como programa. Espaço-escola e currículo. In: ESCOLANO, A. e VIÑAO Frago, A. Currículo, espaço e subjetividade. A arquitetura como programa. Rio de Janeiro: DP&A Editora. Tradução Alfredo Veiga-Neto, 2001.

KOSELLECH, Reinhart. Futuro Passado: contribuição à semântica dos tempos históricos. Rio de Janeiro: Contraponto: Ed. PUC-Rio, 2006, p.305-327.

KRAMER, Lloyd S.. Literatura, crítica e imaginação histórica: o desafio literário de Hayden White e Dominick La Capra. In.: HUNT, Lynn. A nova história cultural. São Paulo: Martins Fontes, 2001, p. 131-173.

LACÔRTE, Vânia Pascoal. (Org.). Histórias encantadas. Natal: UFRN/CCSA/DE/NEI, 1992.

LE GOFF, Jacques. História e Memória. Campinas, SP: Editora da Unicamp, 2003, 541p.

MEDEIROS, Cynthia Pereira de; LOPES, Denise Maria de Carvalho (Orgs.). Coração das palavras: o livro da natureza da gente. Natal: UFRN/CCSA/DE/NEI, 1988.

______. O livro da turma maluquinha. Natal: UFRN/CCSA/DE/NEI, 1991.

ORTIZ, Renato. Românticos e Folcloristas. São Paulo: Edições Loyola, 1992.

PIMENTEL, Norma Borges; SOUZA, Maria Marlene Brandão de; JORDÃO, Marília Gabriela de Medeiros (Orgs.). Contando e recontando. Turma 5 - tarde. Natal: UFRN/CCSA/DE/NEI, 2002.

REIS, José Carlos. O desafio historiográfico. Rio de Janeiro, Editora FGV, 2010.

RIBEIRO, Raimunda Porfírio (Org.). Nossas histórias: um mundo de construção. 5 A - manhã. Natal: UFRN/CCSA/DE/NEI, 2000.

RÜSEN, Jörn. Razão histórica. Teoria da História: os fundamentos da ciência histórica. v. 1. Brasília: Editora da UNB, 2001.

SILVA, Anilza Santos Cordeiro da (Org.). Uma viagem ao mundo dos deuses. Natal: UFRN/CCSA/DE/NEI, 2000.

SOUSA, Rutilene Santos de. (Org.) Tempo de conhecer e ser feliz. Turma 5 A - tarde. Natal: UFRN/CCSA/DE/NEI, 2003.

VICTOR Analice Cordeiro dos Santos; CAVALCANTI, Ângela Maria; FARIAS, Djanira Barbosa de (Orgs.). Mundo dos sonhos e contos. Turma 5 A - tarde. Natal: UFRN/CCSA/DE/NEI, 2001.

VIDAL, Diana Gonçalves. Escola nova e processo educativo. LOPES, Eliane Marta Teixeira; FARIA FILHO, Luciano Mendes de; VEIGA, Cyinthia Greive (Orgs.) 500 anos de educação no Brasil. Belo Horizonte: Editora Autêntica, 2000b, p. 497-517.

VIÑAO FRAGO, Antônio. Alfabetização na sociedade e na história: Vozes, palavras e textos. Porto Alegre: Artes Médicas, 1993.

______. Historia de la educación y historia cultural. Posibilidades, problemas, cuestiones. Revista Brasileira de Educação, set/dez 1995, n.0, p.63-82.

WHITE, Hayden. Meta-história: a imaginação histórica no século XIX. Lisboa: Estampa, 1992.

______. Trópicos do discurso: Ensaios sobre a Crítica da Cultura. São Paulo: Editora da USP, 1994.

______. A questão da narrativa na teoria histórica contemporânea. In.: NOVAIS, Fernando A.; SILVA, Rogério F. da (Orgs.). Nova História em perspectiva. v. 1. São Paulo: Cosac Naify, 2011.

Downloads

Publicado

11-04-2022

Como Citar

ARAÚJO DE ALVARENGA, T. APRENDIZAGEM HISTÓRICA NA INFÂNCIA:: imaginação e saber histórico no espaço escolar do Núcleo de Educação Infantil (1988-2006) . Revista Espacialidades, [S. l.], v. 18, n. 1, p. 52–74, 2022. DOI: 10.21680/1984-817X.2022v18n1ID26282. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/espacialidades/article/view/26282. Acesso em: 30 jun. 2022.