RECURSO EDUCATIVO EM PRIMEIROS SOCORROS NO PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM EM CRIANÇAS DE UMA ESCOLA PÚBLICA

  • Thalita Marques de Mesquita
  • Rosana Santos de Albuquerque
  • Ana Marlusia Alves Bomfim
  • Maria Lucélia da Hora Sales
  • Maria da Conceição Carneiro Pessoa de Sa
  • Andréa Marques Vanderlei Ferreira
Palavras-chave: Educação em Saúde, Materiais de Ensino, Saúde Escolar

Resumo


Introdução: A prática da educação em saúde significa contribuir para que as pessoas adquiram autonomia para preservar e melhorar a sua qualidade de vida. Dessa forma buscar atividades que envolvam crianças na busca de construção de hábitos saudáveis é uma forma de formar futuros agentes ativos e disseminadores de bons hábitos. É nesse contexto que os recursos educativos entram em ação associando a vivência das crianças e a educação em saúde. Objetivo: avaliar a efetividade de uma estratégia de ensino-aprendizagem baseada em um recurso educativo para identificação de procedimentos de primeiros socorros em alunos do Ensino Fundamental de uma Escola Pública do Município de Maceió- Alagoas. todo: estudo analítico com abordagem quantitativa, desenvolvido em uma escola pública do Estado de Alagoas no ano de 2014. Para tanto, foi ministrada uma aula sobre primeiros socorros em duas turmas específicas, na qual uma turma fez o uso do recurso educativo e a outra participou apenas de uma aula expositiva, avaliou-se as diferenças e contribuições do recurso mediante a aplicação de questionário construído pelos pesquisadores em uma amostra de 46 alunos. A pesquisa foi aprovada pelo parecer 727.761 do Comitê de Ética e Pesquisa da Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas. Resultados: a turma que utilizou o recurso educativo obteve maior número de acertos (87%) em relação a turma que utilizou apenas aula expositiva (37%). Conclusão: A utilização do recurso educativo contribuiu efetivamente como facilitador para o processo de ensino-aprendizagem das crianças. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thalita Marques de Mesquita
Enfermeira pela Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas
Rosana Santos de Albuquerque
Enfermeira pela Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas
Ana Marlusia Alves Bomfim
Mestre em Ciências da Saúde pela Universidade Federal de Sergipe.
Maria Lucélia da Hora Sales
Mestre em Saúde Coletiva pela Universidade Federal de São Paulo.
Maria da Conceição Carneiro Pessoa de Sa
Mestre em Ciências pela Universidade Federal de São Paulo
Andréa Marques Vanderlei Ferreira
Doutora em Química e Biologia pela Universidade Federal de Alagoas.

Referências

  • Acioli S, David HMSL, Faria MGA. Educação em saúde e a enfermagem em saúde coletiva: reflexões sobre a prática. Rev enf UERJ [Internet]. 2012 [cited 2014 Aug 15]; 20(4): 533-6. Available from: http://www.facenf.uerj.br/v20n4/v20n4a20.pdf

  • Sampieri RH, Collado CF, Lucio MDPB. Metodologia de pesquisa. 4a ed. Porto Alegre: Penso; 2013.

  • Gil AC. Métodos e técnicas de pesquisa social. 4. ed. São Paulo: Atlas; 2008.

  • Rouquayrol MZ, Gurgel M. Epidemiologia e Saúde. 7a ed. Rio de Janeiro: Medbook; 2013.

  • Vygotsky LS. Aprendizagem e desenvolvimento intelectual na idade escolar. In: Vigotsky LS, Luria AR, Leontiev AN. Linguagem, desenvolvimento e aprendizagem. São Paulo: Ícone; 1998. p. 103-17.

  • Martins JC. Vygotsky e o papel das interações sociais na sala de aula: reconhecer e desvendar o mundo. In: Os desafios enfrentados no cotidiano escolar. São Paulo; 1997. p. 111-122.

  • Oliveira MK. Vygotsky: Aprendizado e desenvolvimento um processo sócio-histórico. 4.ed. São Paulo: Scipione; 1993.

Publicado
10-07-2017
Como Citar
DE MESQUITA, T. M.; DE ALBUQUERQUE, R. S.; ALVES BOMFIM, A. M.; DA HORA SALES, M. L.; CARNEIRO PESSOA DE SA, M. DA C.; VANDERLEI FERREIRA, A. M. RECURSO EDUCATIVO EM PRIMEIROS SOCORROS NO PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM EM CRIANÇAS DE UMA ESCOLA PÚBLICA. Revista Ciência Plural, v. 3, n. 1, p. 35-50, 10 jul. 2017.
Seção
Artigos